Ibaneis diz que DF terá festa de Réveillon na Esplanada

Segundo o governador Ibaneis, estão previstos cinco palcos espalhados em regiões do DF e outro na Esplanada dos Ministérios

atualizado 23/11/2021 13:08

Ibaneis Rocha fala ao público durante XLVII Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do DF 7Arthur Menescal/Especial Metrópoles

O governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou que terá festa de Réveillon no Distrito Federal, na virada de 2021 para 2022. Devido à pandemia de Covid-19, a capital não contou com o tradicional evento na Esplanada dos Ministérios no ano passado.

“Ele [secretário de Cultura do DF] já está preparando o Réveillon. Se não me engano, são cinco palcos espalhados pelas regiões do Distrito Federal e vai ter um também na Esplanada dos Ministérios. Ele está fazendo o concurso para saber quem serão as pessoas que vão participar dos shows que devem ter. Está na mão dele, mas está caminhando para que tenha, sim, Réveillon”, afirmou Ibaneis Rocha.

0

Em relação ao Carnaval, o governador adiantou que é possível que o DF volte a ter folia de rua em 2022. De acordo com o chefe do Palácio do Buriti, o Governo do Distrito Federal (GDF) deve dar uma resposta mais concreta até o final deste mês, após analisar os números da pandemia.

DF se prepara para a retomada do Carnaval de rua em 2022

“O Bartô [Bartolomeu Rodrigues, secretário de Cultura] está trabalhando no sentido de que vamos ter condições de ter o Carnaval. Ele está preparando tudo isso. Mas só vou decidir um pouco mais perto, dependendo da quantidade de vacinação, a diminuição – e vem diminuindo – de pessoas internadas. Então, vou levar tudo isso em consideração na hora de decidir. Acho que até o final do mês a gente toma uma postura em relação ao Carnaval”, informou Ibaneis.

O chefe do Executivo local deu as declarações na saída do Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, do qual participou na noite desta segunda-feira (22/11). A solenidade ocorreu no hotel Royal Tulip Brasília Alvorada.

Evento

O congresso é um evento anual que tem como público-alvo procuradores de todas as unidades da Federação, advogados públicos das esferas federal e municipal, professores e estudantes. Ocorrerá entre os dias 22 a 25 de novembro de 2021 e terá como tema “Advocacia Pública: Direitos Fundamentais e Políticas Públicas”.

Durante a solenidade nesta segunda, Ibaneis foi homenageado pelos serviços prestados no âmbito da advocacia. “Eu venho aqui exatamente para ressaltar o belíssimo trabalho que é feito pelos procuradores do Distrito Federal e de todos os estados”, afirmou Ibaneis.

“Nesse período da pandemia, pessoas pensavam das mais diversas maneiras e foram muitas ações judiciais questionando as atitudes que nós tomamos ali no início. E nós conseguimos, através da procuradoria, mostrar no Judiciário que o caminho estava correto e que a gente tinha que seguir naquela linha. Então, venho aqui hoje a convite dos procuradores exatamente valorizar a categoria e reforçar a importância deles para a administração pública como um todo”, destacou o chefe do Palácio do Buriti.

Segundo Vicente Braga, presidente da Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (Anape), pelo menos 400 pessoas devem participar do congresso. “Para a gente, 400 inscritos é um resultado fantástico. Nossa previsão era 200, então dobramos a meta”, afirmou.

“Teremos diversas autoridades: ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ex-presidente da República, governadores de estados, estarão conosco durante esses quatro dias de evento”, pontuou Braga.

Mais lidas
Últimas notícias