GDF lança licitação para construção dos três hospitais de campanha

Publicação saiu no DODF desta segunda-feira (8/3). Governador Ibaneis Rocha divulgou o valor de R$ 36 milhões em publicação no Twitter

atualizado 08/03/2021 12:19

Hospital de Campanha no Centro Médico da PMDF3Breno Esaki/Agência Saúde

O Governo do Distrito Federal (GDF) publicou no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta segunda-feira (8/3) aviso de licitação, do tipo menor preço, para contratação, por meio da Secretaria de Saúde, de empresa especializada para construção de três hospitais de campanha para atender pacientes diagnosticados com Covid-19.

O valor estimado é de R$ 12 milhões por lote, para cada centro de atendimento provisório.

O Departamento de Compras da Companhia Urbanizadora da nova Capital (Novacap) tornou público que realizará o pregão eletrônico e que o edital e anexos poderão ser retirados exclusivamente no site www.licitacoes-e.com.br a partir desta terça-feira (9/3). O prazo para as respostas encerra-se às 9h de sexta-feira (12/3).

Contratos e informações poderão ser obtidos por meio dos telefones (61) 3403-2321 ou (61) 3403-2322 e pelo e-mail [email protected].

Veja a íntegra da publicação:

Licitação três hospitais de campanha

O governador Ibaneis Rocha (MDB) informou, na manhã desta segunda-feira (8/3), que o GDF liberou R$ 36 milhões para a construção dos três hospitais de campanha prometidos na semana passada. As novas unidades serão instaladas no Ginásio do Gama, no Ginásio Nilson Nelson e em Santa Maria e somarão 300 leitos, para o tratamento de pacientes com Covid-19.

A declaração do governador foi feita por meio de sua conta no Twitter. Confira, abaixo:

Ocupação de leitos de UTI

A taxa de ocupação de leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) voltados para pacientes com Covid-19 na rede pública do Distrito Federal  alcançou 97% na manhã desta segunda-feira (8/3). O dado é do sistema InfoSaúde, do GDF, e foi atualizado pela última vez às 10h10.

Em sete dias, a Secretaria de Saúde do DF ativou 110 leitos de UTI e de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) para pacientes com Covid-19. Na sexta-feira (5/3), foram ativados mais 14 leitos — quatro no Hospital de Campanha da Polícia Militar e 10 no Hospital de Ceilândia.

Ainda assim, no momento, há 265 leitos para Covid-19 ocupados e apenas sete vagos na rede pública. Dos leitos disponíveis, quatro são neonatais e apenas três adultos. Outros 13 estão bloqueados ou aguardando liberação.

Até as 10h15 desta segunda, a lista de espera por UTI na rede pública tinha 71 pacientes com suspeita ou confirmação de infecção pelo novo coronavírus. Destes, apenas um está confirmado como pediátrico.

Já a rede privada de saúde está com taxa de ocupação de 93,25% na manhã desta segunda-feira. Os dados foram atualizados às 7h10. São 223 leitos de UTI Covid ocupados, 16 disponíveis (todos adultos) e um bloqueado.

0

Últimas notícias