Homem surta e tenta matar a mãe queimada no Entorno do DF

Acusado quase foi linchado por vizinhos e foi preso pela Polícia Civil em Valparaíso de Goiás

Reprodução/PCGOReprodução/PCGO

atualizado 02/08/2019 11:51

Wallacy Cirilo Alves (foto em destaque), de 31 anos, foi preso em flagrante acusado de tentar matar a própria mãe queimada, no Jardim de Ipanema, localizado em Valparaíso de Goiás, no Entorno do Distrito Federal.

Uma equipe da Polícia Civil de Goiás recebeu denúncias, por meio do Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), de que um homem estava com os “ânimos exaltados e fora de controle”. Quando a viatura chegou ao local, na última segunda-feira (29/07/2019), os policiais constataram que o suspeito estava bêbado e sob efeito de drogas.

A mãe de Wallacy revelou que o filho era usuário de entorpecentes e, mais cedo, havia tentado atear fogo nela. De acordo com o relato, Wallacy teria jogado tíner na vítima e depois acendido um isqueiro próximo ao corpo dela. A mulher ficou ferida nos braços.

A vítima conta que, naquele momento, os vizinhos, na tentativa de defendê-la, agrediram Wallacy. Ele foi preso. Na delegacia, o agressor se descontrolou novamente. Na presença dos policiais, Wallacy xingou a vítima de “puta, sapatão, prostituta e vagabunda”, dizendo em seguida que “irá quebrá-la no pau caso retorne para casa”.  O suspeito foi preso em flagrante por tentativa de feminicídio.

Últimas notícias