Categorias: Distrito Federal

Engenheiro mata cachorro com taco de beisebol na Asa Sul

Após ser mordido por um cachorro da raça labrador na noite de segunda-feira (04/11/2019), na 715 Sul, um engenheiro ambiental de 43 anos foi preso por matar o animal que pertence à vizinha. Armado com um taco de beisebol, ele teria desferido cerca de 50 golpes no cão. O homem foi detido após comparecer à 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) para registrar boletim de ocorrência contra a dona do bicho.

Na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), ele foi autuado por violação de domicílio qualificada e maus-tratos contra animais. O engenheiro pagou R$ 5 mil de fiança e foi liberado na manhã desta terça-feira (05/11/2019).

Segundo testemunhas, o suspeito chegou a instigar o próprio cachorro a atacar o labrador da vizinha, e os cães começaram a brigar. O agressor, então, entrou na casa da vizinha e iniciou as agressões. A moradora disse, em depoimento à PCDF, que não interviu porque o homem estava bastante alterado e temia também ser atacada.

Omissão de cautela

Moradores da região já haviam registrado ocorrência contra a proprietária do animal morto pelo vizinho. No dia 27 de outubro, uma mulher a denunciou por omissão. O cachorro estava sem coleira e atacou a vítima enquanto ela passeava pela quadra com o sobrinho de sete meses e o afilhado, de 2 anos. Pelos dois casos recentes, ela responderá pelo crime de omissão de cautela.

Fernando Caixeta

Formou-se em jornalismo pelo Centro Universitário Iesb, em 2011. Trabalhou como supervisor de conteúdo multimídia na TV Escola e foi repórter nos principais veículos de comunicação de Brasília. É vencedor do Prêmio de Ideias da Escola de Governo do Distrito Federal (Egov) e do Prix Jeunesse Iberoamericano, como membro da equipe de produção da animação infantil Chico na Ilha dos Jurubebas.

Últimas notícias

Masterchef, a Revanche: Fábio é eliminado do programa

Depois de amargar críticas em sua sobremesa no último programa, Fábio não conseguiu se manter nesta semana

3 horas passados

Bolsonaro a príncipe: “Deveria ter sido vice, não esse Mourão aí”

Presidente externou arrependimento na escolha de seu companheiro de chapa em reunião com deputados

4 horas passados

Homens são presos por se esfaquearem durante briga no DF

Crime ocorreu na QR 603, Conjunto C, em Samambaia, e teria sido motivado por um aparelho celular

4 horas passados

Justiça suspende indiciamento de candidatas laranjas do PSL

O caso envolve o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. A PF diz que ele articulou desvio de recursos do…

4 horas passados

De saída, Bolsonaro agradece a quem colaborou com ele no PSL

Presidente postou no Twitter confirmando a intenção de criar novo partido e usou tom moderador. Mas deputados rivais seguem brigando

4 horas passados

Petrobras vai vender todos os ativos que tem no Uruguai

Negócios da empresa brasileira incluem distribuição de combustíveis, lubrificantes e fertilizantes no país vizinho

4 horas passados