Enem será aplicado em 9 e 16 de janeiro nas unidades prisionais do DF

Com reforço de equipes policiais, custodiados poderão fazer o exame em segurança, nos próximos dois sábados deste mês

atualizado 06/01/2022 11:23

Reprodução

A Secretaria de Administração Penitenciária do DF (Seape) reforçou o número de policiais penais para assegurar a participação de custodiados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a ser aplicado nos dias 9 e 16 próximos.

A iniciativa abre a possibilidade de acesso ao ensino superior aos indivíduos privados de liberdade, mediante autorização judicial.

A Seape assumiu, pela primeira vez, a logística necessária para a realização das provas, garantindo o cumprimento de todas as diretrizes repassadas pelo Ministério da Educação (MEC).

Pensando na segurança dos quase 1,5 mil reeducandos inscritos e das equipes que aplicarão as provas, haverá uma ação integrada de policiais das unidades de plantão, dos núcleos de ensino, da Gerência de Saúde, da Gerência de Políticas Penitenciárias da Diretoria de Inteligência Penitenciária (DIP) e da Diretoria Penitenciária de Operações Especiais (DPOE).

As provas serão realizadas em todas as unidades prisionais do DF, com a devida adoção das medidas sanitárias de prevenção à Covid-19 e influenza. Máscaras e álcool em gel serão fornecidos aos participantes.

Com informações da Secretaria de Administração Penitenciária

Mais lidas
Últimas notícias