Dono de shih-tzu que ameaçou vizinhos com arma é preso por tráfico

Em maio, suspeito teria ido à casa dos vizinhos com arma na mão, após o cachorro da raça shih-tzu ser atacado por um husky-siberiano

atualizado 22/07/2021 13:47

Homem é preso por tráfico de drogas na Vicente PiresDivulgação PCDF

Policiais da 38ª Delegacia de Polícia (Vicente Pires) prenderam em flagrante, nesta quarta-feira (21/7), um homem de 33 anos por tráfico de drogas. Em maio, o autor passou a ser investigado após ameaçar vizinhos com uma arma após dois cachorros da raça husky-siberiano atacar seu cão, um shih-tzu.

Na ocasião, a residência do suspeito em Vicente Pires foi alvo de um mandado de busca, com finalidade a apreensão da arma de fogo usada no crime. O armamento, entretanto, não foi localizado. Porém, os policiais encontraram uma porção de maconha no quarto do investigado.

Além disso, a polícia apurou que o celular do homem era produto de roubo ocorrido em 2020. O autor continuou sendo investigado pelos crimes de receptação e porte ilegal de arma de fogo e, durante a investigação, o traficante instalou um ponto de comércio de drogas nas proximidades da Administração Regional de Vicente Pires.

Veja vídeo da ameaça com arma de fogo:

Após monitoramento policial, o homem acabou preso em flagrante ao vender uma porção de maconha para um homem de 50 anos de idade. Com o autor estavam outras duas porções de maconha, embaladas para venda.

Segundo a PCDF, o investigado possui condenação criminal no Estado de Goiás pelos crimes de tráfico de drogas e de associação para o tráfico de drogas e condenação pelo crime de furto no Distrito Federal. Por tráfico de drogas, o autor está sujeito a pena de 5 a 15 anos de prisão. Pela porte ilegal de arma de fogo e de receptação, o autor pode pegar de 3 a 8 anos de prisão.

A arma de fogo utilizada pelo autor para ameaçar seu vizinho ainda não foi encontrada e, quem souber o seu paradeiro pode informar a PCDF através de denúncia anônima, pelo 197.

Últimas notícias