Covid: veja onde serão os 11 pontos de vacinação para crianças no DF

A Secretaria de Saúde do DF anunciou, nesta quinta-feira (13/1), quais UBS atenderão ao público infantil na imunização contra Covid-19

atualizado 13/01/2022 17:30

Médica dando vacina covid-19 para uma criançaRoberto Jimenez Mejias/Getty

O Governo do Distrito Federal (GDF) divulgou, nesta quinta-feira (13/1), os 11 postos onde ocorrerá a campanha de vacinação contra a Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos, a partir do próximo domingo (16/1).

DF tem 72 pessoas infectadas com a variante Ômicron da Covid

Conforme antecipado pelo Metrópoles, o Ministério da Saúde encaminhará, na primeira remessa, 16,3 mil doses da Pfizer. Dessa forma, 10 mil delas serão destinadas a crianças com 11 anos (dentro do grupo por faixa etária) e outras 6,3 mil doses para menores com deficiência permanente, sob tutela do Estado e com comorbidades.

Veja onde serão os pontos de vacinação de crianças no DF:

  • Planaltina UBS 20
  • Sobradinho UBS 2
  • Santa Maria UBS 1
  • Paranoá UBS 1
  • Brazlândia UBS 2
  • Ceilândia UBS 17
  • Taguatinga UBS 5
  • Samambaia UBS 12
  • Cruzeiro UBS 1
  • Lago Norte UBS 1
  • Guará UBS 1

Segundo a Secretaria de Saúde, apenas o grupo etário de 11 anos tem cerca de 40 mil crianças, conforme dados da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

O horário de vacinação previsto para o próximo domingo é das 8h às 17h. “Além dos 11 postos, nós vamos prosseguir com a vacinação dos adultos e das pessoas acima de 12 anos nas demais unidades de saúde. No domingo, teremos vacinas para crianças, mas também para pessoas acima de 12 anos”, diz o general Manoel Pafiadache.

0

A Secretaria de Saúde confirmou, nesta quinta-feira (13/1), que há 72 pessoas infectadas com a variante Ômicron no DF. Foram sequenciadas mais 39 amostras e, destas, apenas 6 eram da variante Delta. Além do resultado do Laboratório Central (Lacen), mais 13 amostras foram analisadas no Hospital da Criança, e confirmadas, também, com a infecção pela nova cepa.

Taxa de transmissão da Covid tem 7ª alta e chega a 2,11 no DF

Na quarta-feira (12/1), um novo decreto do Palácio do Buriti, publicado em edição extra no Diário Oficial, proibiu a realização de shows, festas e festivais no Distrito Federal com cobrança de ingressos. A iniciativa tem a intenção de frear a taxa de transmissão no DF, que tem registrado alta, dia após dia.

Ainda na quarta-feira, a taxa de transmissão da Covid-19 registrou o índice de 2,11. O número significa que, a cada 24 horas, a quantidade de infectados pela doença tende a dobrar.

De acordo com o mais recente boletim epidemiológico, a capital registrou 3.813 novos casos em relação ao dia anterior. Segundo o GDF, 90% das hospitalizações são de pessoas não vacinadas ou com o ciclo de imunização incompleto.

Mais lidas
Últimas notícias