Covid-19: gestantes apontam problemas no cadastro para vacinação no DF

Secretaria de Saúde informou estar analisando as queixas e dará retorno às grávidas que estão encontrando dificuldades

atualizado 05/05/2021 18:52

Mulher grávida segura a barrigaReprodução / Pixabay

Dentro do grupo prioritário a ser imunizado contra o novo coronavírus no Distrito Federal, gestantes com comorbidades estão encontrando dificuldades em realizar o cadastro no site disponibilizado pela Secretária de Saúde (SES-DF), o vacina.saude.df.gov.br.

O Metrópoles recebeu alguns relatos de pessoas que afirmam não conseguirem realizar o agendamento por conta de um erro ao completar o cadastro. É caso de Paula Virgínia Freitas de Morais, 39 anos, diabética e grávida.

“Na hora de fazer o cadastro, marquei como diabética, pois não achei a opção de gestante. Finalizei o cadastro sem a informação da gestação. Depois, conversando com alguns amigos, fui informada que tinha a opção de gestante com comorbidade”, conta.

Foi então que começou a saga para tentar corrigir o cadastro e ser vacinada. “Já abri manifestação na ouvidoria, fui nas unidades básicas de saúde e não consigo resolver”, declara . “Eles ficam dando informação errada, falaram que quando começasse o agendamento eu conseguiria corrigir, mas não consigo”, aponta.

Por ser gestante com doença preexistente, Paula está apta a receber a vacinação nesta semana. No entanto, como o cadastro foi efetuado na classe de diabéticos, ela não consegue realizar o agendamento e, na teoria, teria de esperar chegar na sua faixa etária.

Em busca de uma solução, Paula procurou por três unidades de saúde. “Me disseram que não podem fazer nada. Já ao procurar pela Subsecretaria de Planejamento em Saúde (Suplan), foi informada mais uma vez de que não teria como corrigir. “Já liguei e ninguém me atende. Um fica jogando para o outro, com um monte de informação errada. Não sei mais o que fazer”, revela.

Orientação da Saúde

A reportagem acionou a Secretaria de Saúde, que esclareceu estar analisando cada queixa nesse sentido. “Casos de preenchimento de cadastro com erro no sistema (http://vacina.saude.df.gov.br/) e devidamente informados via Ouvidoria da SES-DF estão em análise para posterior retorno, desde que todos os dados do usuário sejam informados, incluindo nome completo, CPF, data de nascimento, o tipo de erro cometido e um e-mail válido”, informou a pasta.

Agendamento

A partir das 12h desta quarta-feira (5/5), a Secretaria de Saúde do Distrito Federal abriu mais 60 mil vagas para agendamento da imunização contra a Covid-19 de indivíduos com comorbidades. Esta etapa contempla pessoas de 55 a 59 anos. De acordo com a secretaria, a imunização ocorrerá nas seguintes datas:

  • 7 e 8 de maio: pessoas com 59 anos com comorbidades;
  • 10 e 11 de maio: pessoas com 58 anos com comorbidades;
  • 12 e 13 de maio: pessoas com 57 anos com comorbidades;
  • 14 e 15 de maio: pessoas com 56 anos com comorbidades;
  • 16 e 17 de maio: pessoas com 55 anos com comorbidades.

Confira a lista de comorbidades:

Continua também o agendamento para preenchimento das 10 mil vagas, que foram abertas na última segunda-feira (3/5), para pessoas com síndrome de Down (18 a 59 anos), imunossuprimidos (18 a 59 anos) gestantes e puérperas com comorbidades (18 a 59 anos), pessoas com deficiência inscritas no BPC (18 a 59 anos) e em terapia renal substitutiva (18 a 59 anos). Até o momento, foram preenchidas 8.621 vagas para esse grupo.

Mais lidas
Últimas notícias