Colisão frontal mata bebê de 9 meses e deixa seis feridos no DF

Bebê teve duas paradas cardiorrespiratórias e não resistiu. Entre as vítimas do acidente, havia outras duas crianças, de 3 e 4 anos

atualizado 01/10/2022 11:35

Divulgação/CBMDF

Um acidente de trânsito na DF-251, próximo a Santa Maria, matou uma criança de 9 meses e deixou seis pessoas feridas, na noite de sexta-feira (30/9). O bebê teve duas paradas cardiorrespiratórias e, mesmo após receber atendimento médico, não resistiu. Além dele, outras duas crianças, de 3 e 4 anos, ficaram feridas.

A ocorrência envolveu a colisão frontal entre um Renault Sandero branco e um Volkswagen Gol verde, por volta das 18h, na pista da Estrada Parque do Contorno (EPCT), sentido São Sebastião. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) não deu detalhes sobre a dinâmica do acidente.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

A criança de 9 meses que não resistiu aos ferimentos estava no Sandero, mas foi encontrada no chão da pista. Ela recebeu os primeiros socorros de uma enfermeira que passava pelo local do acidente; em seguida, os bombeiros chegaram e conseguiram reanimar o bebê em 5 minutos.

As equipes levaram a vítima para o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM). No entanto, durante o trajeto, a criança teve outra parada cardiorrespiratória. Os socorristas voltaram a reanimá-la, inclusive com ajuda de funcionários da unidade de saúde. Mesmo assim, após cerca de 40 minutos, o bebê morreu.

O menino de 4 anos, passageiro do Sandero, estava no colo de uma testemunha quando os bombeiros chegaram. A vítima foi levada para o Hospital Regional do Gama (HRG), consciente e estável, mas com um corte no lábio e escoriações pelo corpo.

A terceira criança envolvida – uma menina de 3 anos, que também estava no Sandero – teve um pequeno ferimento na parte interna da boca. Ela foi encontrada pelos bombeiros enquanto andava pelo local do acidente, acompanhada do pai, um homem de 45 anos, que conduzia o veículo. Os dois foram levados para o HRG, orientados e estáveis.

Quinta passageira do Sandero, uma jovem de 21 anos teve suspeita de traumatismo cranioencefálico e de fratura na perna direita. A vítima foi encontrada fora do automóvel e foi levada para o HRG, ainda consciente.

Uma passageira de 24 anos, que também trafegava no Sandero, estava com o bebê de 10 meses no colo. Encontrada fora do veículo quando o socorro chegou, a mãe da criança apresentava trauma na face. Os bombeiros a encaminharam para o mesmo hospital, também consciente.

O único ocupante do Gol precisou ser retirado do veículo pelos bombeiros. O motorista de 48 anos teve suspeita de fratura na perna direita. Após receber os primeiros socorros, ele foi levado consciente e estável para um hospital particular do Gama.

Os bombeiros não divulgaram as identidades das vítimas. Depois do socorro, o trânsito ficou sob cuidados da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O caso foi registrado na 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria).

Mais lidas
Últimas notícias