*
 

A startup Science Play representará Brasília e o Brasil no Web Summit, maior congresso de tecnologia do mundo. O evento acontece em Portugal, entre os dias 5 e 8 de novembro, e são esperadas cerca de 70 mil pessoas de 170 países.

A plataforma desenvolvida pela empresa disponibiliza diariamente vídeos e palestras com conteúdos exclusivos selecionados pelos maiores profissionais do mercado. São vídeo-aulas, documentários, artigos internacionais traduzidos e pesquisas sobre os assuntos mais relevantes da atualidade.

Pensando nas limitações econômicas e geográficas que muitos profissionais e estudantes têm para participar de congressos e palestras em todo o país, o Science Play atende essa demanda disponibilizando material científico para o usuário assistir onde estiver. É possível estudar e revisar todo o conteúdo pelo celular, computador e até pela televisão de casa.

Desenvolvido pelo Grupo BF Eventos, o Science Play nasceu em abril de 2017 com o objetivo de contribuir com o aprendizado recorrente dos profissionais e estudantes das mais diversas área da saúde a um baixo custo.

“Organizo congressos há quase 20 anos e sei como é difícil e oneroso para as pessoas participarem de um grande congresso do setor, seja nacional ou internacional. Com o Science Play, estamos ajudando as pessoas a se atualizarem, oferendo um acesso mais rápido ao ensino de qualidade”, explica Brunno Falcão, fundador da startup.

A plataforma teve um investimento inicial de quase R$ 500 mil e já conta com cerca de 1.000 assinantes. Hoje, faz parte de uma aceleradora de startups que presta apoio ao time para o crescimento do projeto com menor tempo e custo.

Pesquisa feita em julho de 2018 divulgada pelo Think Google mostrou que o consumo de vídeo na internet entre os brasileiros no intervalo entre 2014 e 2018 cresceu 135%.