Aglomeração e falta de máscaras: veja vídeo de festa no Lago Paranoá

Evento com 300 pessoas acabou interrompido nesse sábado (5/6) pela Polícia Militar do Distrito Federal e pela Marinha do Brasil

atualizado 07/06/2021 16:40

aglomeraçãoDivulgação/PMDF

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) divulgou, nesta segunda-feira (7/6), vídeo de festa com 300 pessoas no Lago Paranoá. O evento, interrompido pela corporação e pela Marinha do Brasil na noite desse sábdo (5/6), ocorreu em um barco ancorado na altura da Concha Acústica.

Pelas imagens, é possível ver pessoas aglomeradas, a maioria jovens, e sem máscaras de proteção facial. Veja:

A PM recebeu denúncia de desrespeito às medidas sanitárias contra a Covid-19. Os militares encontraram falhas graves de segurança, como coletes salva-vidas insuficientes ou guardados fora do alcance dos frequentadores, além de extintores de incêndio vazios. Além disso, a capacidade máxima permitida no barco era de 225 pessoas.

Veja fotos do evento:

0

Segundo a PMDF, a embarcação recebia muita gente que chegava de outros barcos, mas não havia estrutura de acesso seguro para o transbordo das pessoas. A Marinha notificou o proprietário e deu até 10 dias para ele sanar as irregularidades. Caso não consiga, a embarcação será apreendida.

Denúncias de irregularidades podem ser feitas à Vistoria Naval pelo disque-denúncia da Capitania Fluvial de Brasília pelo telefone 3429-1173.

O outro lado

O gerente da embarcação, Diego Pupe, informou ao Metrópoles que o evento com o cantor compadre Washington foi realizado de forma privada. De acordo com ele, o barco tem capacidade para 225 pessoas e no evento havia menos do que a quantidade máxima.

“O evento foi realizado dentro dos horários do último decreto do Diário Oficial. Vale ressaltar, também que em todas as mesas, que seguem o distanciamento, possuem álcool em gel e os funcionários são obrigados a usarem máscaras para proteção e prevenção do novo coronavírus”, ressaltou em nota.

Disse, ainda, que não teve interdição da Marinha porque tudo estava correto. “Em relação aos convidados, a casa autoriza a retirada de máscaras apenas para o consumo de bebidas e comidas durante o evento”, completou.

Últimas notícias