Paisagens de van Gogh: exposição encanta brasilienses

Mostra gratuita no Iguatemi Brasília vai até 17/11. É uma viagem sensorial e multimídia através dos cenários eternizados pelo pintor

Vinícius Santa Rosa/MetrópolesVinícius Santa Rosa/Metrópoles

atualizado 11/10/2019 17:50

Em uma manhã de quarta-feira, o professor emérito da Universidade de Brasília (UnB) Joanilio Rodolpho Teixeira saiu de sua casa, no Lago Sul, com destino certo. Ele; a mulher, Selma Marcílio Teixeira, e a filha do casal Adriana Pasine atravessaram a cidade antes das 11h para conferirem a exposição Paisagens de van Gogh, no shopping Iguatemi Brasília, no Lago Norte.

A mostra, gratuita, homenageia um dos mais importantes gênios da arte mundial, o pintor holandês Vicent van Gogh (leia biografia abaixo). As principais obras do artista são apresentadas em oito espaços. Em algumas salas, o visitante é “puxado” para dentro dos quadros, por meio de recursos multimídia como óculos de realidade virtual. Em outras, as pinturas pulam das telas, transmutadas em instalações sensoriais.

Pelo caminho, cartas escritas por van Gogh a familiares e amigos são lidas por narradores, revelando aos visitantes as angústias e inspirações por trás das pinceladas do pintor. “Gostamos de arte e, especialmente, do van Gogh. Saímos de casa só para conferir”, contou Joanilio Teixeira, docente de economia e matemática na UnB. “É uma linda exposição. As cartas são emocionantes”, aprovou Selma, após percorrer cada espaço.

Do fim ao começo
As paredes da primeira sala são cobertas com a obra Campo de Trigo com Corvos. Ali, enquanto passa a mão por uma plantação artificial de trigo, e sente o aroma da gramínea, o brasiliense ouvirá a leitura de uma das inúmeras cartas que van Gogh enviou a pessoas íntimas. É uma abertura forte: imagens de campos e trigais são bastante presentes na obra do holandês; e foi em uma dessas plantações que ele decidiu, aos 37 anos, pôr fim à vida.

De lá, o público percorre o Labirinto de Flor de Íris: outra instalação tátil, onde flores roxas aqui conhecidas por lírios perfumam e ladeiam o caminho do visitante. O setor é uma referência ao quadro Irises.

O terceiro espaço traz a obra Amendoeira em Flor, uma homenagem do artista ao sobrinho. Além da pintura estampada nas paredes, o lugar ganhou a escultura de uma grande amendoeira, cercada por banquinhos. O público é convidado a sentar-se, enquanto ouve a leitura das cartas da cunhada contando ao pintor que espera um filho e de van Gogh, em resposta, comemorando a notícia.

“É uma das partes preferida dos visitantes. Já vi pessoas emocionadas ao ouvir as leituras da correspondência entre ele e a cunhada, que o chama de irmão, e da carta na primeira sala, que retrata onde ele tentou suicídio”, revelou a promotora Islane de Carvalho, 19 anos, uma das responsáveis por orientar o público durante o passeio. Ela explica, entre outras coisas, que van Gogh sofria com transtornos mentais e buscava se expressar tanto por meio da pintura quanto pela escrita, tendo deixado inúmeras correspondências.

Veja imagens da exposição:

 

Moradora de Planaltina e estudante de enfermagem, a universitária foi apresentada à obra de van Gogh por uma antiga professora, fã do pintor. “Nunca procurei saber mais. Quando cheguei aqui e vi a mostra, entendi a admiração dela [ex-professora]. É incrível. Quem gosta dele e de arte chora na exposição”, completou Islane.

Depois da emoção é hora de brincar na sala de realidade virtual, Banho de Lua. Usando óculos apropriados, será possível “entrar” nos quadros A Noite Estrelada e Terraço do Café à Noite. Um garçom e o próprio van Gogh são os cicerones: eles apresentam o estabelecimento frequentado pelo artista em Paris e, ao acompanhá-lo, o visitante chega ao terraço de onde avista o céu cheio de estrelas pintado pelo holandês.

Dali, a mostra segue para a sala 360 graus, Sinfonia na Noite Estrelada, onde o público fica cercado de pinturas por todos os lados. O passeio continua pelo Bosque de Espelhos, em alusão ao quadro Duas Figuras no Bosque, e termina no Campo de Girassóis, em homenagem a um dos quadros mais icônicos do mestre da pintura.

Confira as principais obras retratadas na mostra:

 

Na última sala, o casal Joanilio e Selma Teixeira foi auxiliado pela filha Adriana na hora de fazer seu autorretrato. Ali, uma câmera captura a imagem dos visitantes, que é mesclada a uma das telas de van Gogh. Cada pessoa que passa pela mostra recebe a lembrança por e-mail.

“Tudo é muito impressionante. A exposição está à altura desse pintor incrível”, disse Adriana. Ela é tributarista aposentada e atualmente mora em Portugal, de onde escreve um blog com dicas de viagem. Os autorretratos da família e fotos do passeio pelas Paisagens de van Gogh, no Iguatemi Brasília, vão para a página, garantiu a blogueira.

Sucesso de público
A gerente de Marketing do Iguatemi Brasília, Luciana Pondé Fonseca, afirma que a exposição já é sucesso de público. Aberta em 4 de outubro, tem recebido adultos apreciadores da arte de Vicent van Gogh, adolescentes e crianças, que estão sendo apresentados ao artista morto há 129 anos.

Temos recebido principalmente famílias. As crianças se divertem, mas pessoas de todas as idades saem encantadas. Também recebemos grupos. Acredito que atrairá muitas pessoas com deficiência e estudantes, por ser uma mostra imersiva e sensorial

Luciana Pondé Fonseca, gerente de Marketing do Iguatemi Brasília

Luciana explica que Brasília é a segunda capital a receber a Paisagens de van Gogh. “Antes passou por Higienópolis, em São Paulo. Pelo tamanho e complexidade, não fosse a iniciativa do shopping, dificilmente viria para Brasília”, disse. “É mais uma iniciativa que reforça o Iguatemi como pólo cultural, somando-se a exposições, lançamentos de livros e também a ações feitas no cinema”, completou a gestora.

A mostra Paisagens de van Gogh está no 1º piso do Iguatemi Brasília e funciona de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos e feriados, das 14h às 20h. A visitação pública termina em 17 de novembro.


Conheça a história de Vicent van Gogh:

 

Sobre o Iguatemi Brasília
O Iguatemi Brasília reúne, em um só local, moda, gastronomia, serviços, passeio, conforto, conveniência e entretenimento. O shopping conta com o know-how da Iguatemi Empresa de Shopping Centers, uma full service (administra, planeja e constrói) única e seu segmento e classificada como a 36ª marca mais valiosa do Brasil.

O empreendimento no Lago Norte, bairro nobre de Brasília, dispõe de mais de 160 lojas, sendo 22 marcas inéditas na capital federal. O shopping conta, ainda, com um dos mais modernos projetos de arquitetura e paisagismo. Grandes skylights proporcionam total integração com o exterior e permitem ao público aproximação com a natureza. Além disso, oferece mais de 3 mil vagas de estacionamento, sendo 1,8 mil cobertas, e serviço de valet parking.

Mostra Paisagens de van Gogh
Quando: de 4 de outubro a 17 de novembro
Onde: 1º piso do shopping Iguatemi Brasília
Horário: de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos e feriados, das 14h às 20h
Entrada: gratuita
Endereço: SHIN CA 4, Lote A, Lago Norte – Brasília, DF

Últimas notícias