Aplicativo de transporte Desu recruta 1 mil motoristas em Brasília

App trará novidades, como a notificação para carros com acessibilidade e envio de condutoras para pessoas do sexo feminino

atualizado 26/03/2019 9:59

Um novo aplicativo de transporte de passageiros, o Desu, chega a Brasília e está com inscrições para o cadastro de 1 mil motoristas. De acordo com os idealizadores do app, previsto para ser disponibilizado na Google Play em abril, haverá um diferencial para os condutores: eles terão a possibilidade de receber de 83% a 100% dos valores das corridas e alcançar a taxa zero de repasse para a Desu. A empresa irá verificar o histórico de quilômetros acumulados durante o mês a fim de conceder o benefício.

Para tornar-se um parceiro da Desu, é preciso acessar o site, fornecer nome, e-mail, CPF, telefone, gênero e criar uma senha. Em relação ao automóvel, serão aceitos apenas aqueles com data de fabricação a partir de 2010/11, com ar-condicionado e quatro portas. A política de tolerância da empresa é de veículos com até 8 anos de uso considerando o ano de fabricação.

Vale destacar ainda que os candidatos precisam ter carteira de motorista definitiva e estarem regulamentados pela Lei nº 5.691/2016, que trata da prestação de Serviço de Transporte Individual Privado de Passageiros Baseado em Tecnologia de Comunicação em Rede no Distrito Federal.

O projeto nasceu em Brasília e foi idealizado pelos empresários brasilienses Bruno Camargo e Thiago Rocha. “A nossa proposta é trazer mais segurança para o passageiro e motorista e um ganho maior para os colaboradores”, comenta Rocha.

Corridas para mulheres
Outro diferencial da iniciativa é a opção de atendimento exclusivo para o público feminino e o protagonismo das profissionais no segmento: a passageira que buscar uma corrida poderá optar por ser assistida somente por outra mulher.

“Há uma clara desigualdade entre homens e mulheres motoristas. As barreiras para elas são maiores: não trabalham à noite pela insegurança e muitas rodam menos tempo, tendo em vista a dupla jornada que assumem”, destaca Camargo.

Segurança
A proposta também conta com o fato de que todos os motoristas cadastrados deverão apresentar certidão de nada consta para antecedentes criminais. As informações serão verificadas junto aos órgãos competentes.

Para dar mais proteção a motoristas e passageiros, serão implementadas câmeras de segurança em todos os carros, para que o monitoramento das viagens seja feito integralmente.

Acessibilidade
A acessibilidade também faz parte da proposta da Desu. Ao realizar o pedido de viagem, os passageiros que possuem dificuldades de locomoção ou precisam de um atendimento especial irão notificar o app. Os motoristas da Desu vão receber treinamento se portarem adequadamente em caso de possível atendimento diferenciado.

Últimas notícias