Dicas de exercícios e alimentação para viver uma vida saudável e sem neura

Você está focado no treino e na dieta, mas não consegue emagrecer?

Razões ocultas que acabam interferindo no resultado do emagrecimento

atualizado 13/08/2016 18:41

É sabido que o abuso alimentar e o sedentarismo são responsáveis pelo acúmulo de gordura corporal e doenças. Hoje, vou te mostrar algumas razões que podem ser ocultas e que acabam interferindo no seu resultado.

1. Hipotireoidismo
Embora não seja sempre a responsável pelo ganho de peso, quando funciona mal, a tireoide pode causar o aumento de peso. O metabolismo corporal fica prejudicado e gasta-se menos energia em repouso, além de o corpo poupar mais. Junto desse problema também acaba vindo o cansaço, que atrapalha a prática de atividade física, colaborando com que a pessoa engorde. Um endocrinologista pode diagnosticar se algo está errado com a tireoide e prescrever a dose certa de hormônios para regulá-lo.

2. Depressão

iStock

A depressão pode causar perda do apetite ou o excesso de fome. Fazer atividade física ajudará a controlar a ansiedade. Além disso, ajuda a controlar o peso.

3. Intestino preguiçosoiStockUma dieta pobre em fibras – ou com a quantidade suficiente delas, mas sem água – pode fazer com que o intestino fique preguiçoso, a famosa prisão de ventre. Com isso, a pessoa fica inchada e a falta de trânsito intestinal pode dificultar a perda de peso. Ter uma alimentação adequada com hidratação correta é o melhor caminho.

4. Falta de nutrientes
Um estudo publicado no Journal of Women’s Health mostrou que a deficiência em vitamina D pode fazer com que a pessoa engorde até dois quilos. Além disso, falta de magnésio, ferro e outras vitaminas e minerais pode comprometer o sistema imunológico, deixando-nos mais suscetíveis a infecções oportunistas. Outro problema também causado pela falta de nutrientes é a fadiga. A falta de vitaminas tira o ânimo de praticar atividade física. Além disso, a falta de alguns nutrientes causa deficiência de serotonina, causando compulsão por doces, para tentar trazer de volta a falsa sensação de bem-estar e alegria.

5. Estresse

Tired and stressed woman in the office.

O grande vilão dos tempos modernos, o estresse, é responsável por alguns quilos extras, dificultando inclusive a perda do mesmo. Ele gera várias alterações químicas no corpo, fazendo com que libere a grelina, que é um hormônio que aumenta o apetite. Logo, o estressado come mais e ganha peso.

Além disso, há um estudo publicado no periódico Proceedings of the Nacionational Academy of Sciences (Pnas) que mostra que o estresse faz uma determinada área cerebral “acordar”, e ela é responsável por produzir uma proteína chamada UCN3. Ela aumenta o apetite e diminui a sensação de saciedade. A melhor forma de prevenir o problema é investindo em atividades relaxantes e tentar aliviar a mente da correria do dia a dia.

Viu como o emagrecimento vai um pouco mais além do que se imagina? Por isso, é importante investigar todos os sintomas e consultar um profissional qualificado para te ajudar a descobrir se você sofre com alguma dessas doenças.

Mais lidas
Últimas notícias