Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

“Vacinado, podem me escalar”, diz Babaioff após polêmica com Cazarré

Juliano Cazarré se recusou a tomar a vacina contra a Covid-19 e, por conta disso, pode ser cortado do ramake de Pantanal

atualizado 28/07/2021 10:51

Depois que a coluna Leo Dias contou, nessa terça-feira (27/7), que Juliano Cazarré se recusou a tomar a vacina contra a Covid-19 e que, por conta disso, pode ser cortado do ramake de Pantanal, o assunto viralizou na internet. Anônimos e famosos fizeram questão de opinar sobre o assunto. E teve um ator que aproveitou a oportunidade para dizer que está disponível para trabalhos. “Só pra dizer que eu tomei vacina. Se quiserem me escalar para alguma novela, estamos aí! #vacinasim”, disse Armando Babaioff, em sua conta no Twitter.

Babaioff recebeu o apoio dos fãs. Uma delas escreveu: “Muito melhor que Juliano Cazarré e, ainda por cima, vacinado. Delícia”. Em outro comentário, uma fã disparou: “Inclusive, muito mais bonito, gostoso e talentoso que o antivacina!”. “TV Globo, dê uma novela para esse homem AGORA!”, disse outro.

0

Cazarré está escalado para viver o peão Alcides no remake de Pantanal, papel que foi de Ângelo Antônio na versão original. No entanto, ele pode ser cortado da novela caso mantenha sua decisão devido às medidas de prevenção sanitária da Rede Globo.

As gravações estavam previstas para começar este mês, mas estão atrasadas. No início, as filmagens serão feitas no Rio de Janeiro e, depois, quando a pandemia já estiver mais controlada, em locações no Pantanal, como nas cidades de Aquidauana, Miranda e Corumbá, no Mato Grosso do Sul.

A coluna procurou a Rede Globo, que emitiu a seguinte nota. “Nós não começamos a divulgar informações de Pantanal. É cedo, ainda temos uma novela das 21h (Um Lugar Ao Sol) para estrear antes”. Cazarré também foi procurado pessoalmente e através de sua assessoria de imprensa, mas não respondeu aos contatos da coluna.

Últimas notícias