Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Depois do escândalo, Pâmella Holanda renasce nas redes sociais

Depois de denunciar o ex, DJ Ivis, por agressão, a influencer recomeça a vida. “Não é fácil, mas me sinto orgulhosa”

atualizado 13/09/2021 19:22

Pamella HolandaReprodução/Instagram

Dois meses se passaram desde que denunciou o ex-marido, DJ Ivis, por agressão e só agora Pâmella Holanda parece ter conseguido dar o pontapé inicial para uma nova vida. A coluna Leo Dias conversou com a digital influencer para descobrir que passos ela tem dado para recomeçar depois do escândalo que chocou o país.

Desde que expôs o relacionamento abusivo que vivia com o cantor e produtor Iverson de Souza, Pâmella foi expulsa da casa em que morava com o pai de sua filha e teve de lidar com ameaças de morte de vários fãs do famoso, que está preso. “Depois que eu saí da nossa casa, fiquei pouco mais de um mês na casa de uma tia. Eu precisava tanto de um local para ficar até tudo se acalmar. Eu precisava de ajuda com minha filha e precisava de um local seguro pra gente. Eu recebi muitas ameaças de morte e fiquei com muito medo”, conta.

Antes mesmo de ser preso, Ivis já havia deixado Pâmella e a filha deles sem dinheiro. Agora as duas estão impedidas judicialmente de ficar na casa na qual moravam. “Desde que tudo isso aconteceu eu não recebi ajuda financeira de ninguém. Inclusive nem do pai dela [DJ Ivis], nem da família dele, apesar de a Justiça já ter decidido que ele teria que pagar os provisórios da filha, até que a pensão seja definida para ela. Eu tenho assumido tudo sozinha, não é fácil, mas me sinto muito orgulhosa”, revelou.

0

Pâmella enxergou nas redes sociais, mais uma vez, a oportunidade de gerar a própria renda. “Como eu já trabalhava com o Instagram, eu me vi quase que obrigada a voltar, mesmo estando mal, porque precisava arrumar a minha vida. Era preciso ter a minha casa, até mesmo pra conseguir produzir algo. Hoje, graças ao meu trabalho, consegui comprar as minhas coisas, as da minha filha e estamos morando em um apartamento, onde graças a Deus nós temos paz”, completou a influenciadora digital.

Pâmella finalizou a entrevista reafirmando a necessidade de as mulheres denunciarem os abusos que vivenciam para que consigam encontrar a ajuda de terceiros. Segundo ela, não importa a forma de expor as agressões – físicas ou verbais. O importante é denunciar, para que seja possível enxergar uma luz no fim do túnel. “Acredito que todas as mulheres têm uma forma de lidar com tudo. Eu nunca imaginei que isso se tornaria tão grande e tão significativo para tantas outras mulheres. Nunca gostei de aparecer, tanto que nunca me promovi quando era casada com meu ex marido aproveitando da imagem ou fama que ele tinha. Sempre fui pé no chão e acredito que essa minha postura me mantém em pé”, finalizou.

Iverson de Souza Araújo, mais conhecido como DJ Ivis, está preso desde o dia 14 de julho. A Polícia Civil do Ceará realizou a prisão preventiva do músico em seu apartamento, em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. Ele responde a dois inquéritos por lesão corporal no âmbito da violência doméstica e familiar.

Últimas notícias