Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Veja os postos de vacinação que estarão abertos no fim de semana

Imunização para idosos de 62 e 63 anos começa nesta sexta-feira (23/4) e atinge um público estimado de 45.021 pessoas no DF

atualizado 23/04/2021 9:54

Vacinação no Parque da CidadeNathália Cardim/Metrópoles

A Secretaria de Saúde do DF divulgou os postos de vacinação (veja abaixo) que vão estar abertos no sábado (24/4) e no domingo (25/4), para a campanha de imunização contra Covid-19 destinada a aplicar a primeira dose ao grupo populacional com 62 e 63 anos, ou mais.

Essa faixa etária, de pessoas com 62 e 63 anos, engloba um público de 45.021 pessoas. Não há necessidade de agendamento. A vacinação ocorrerá das 9h às 17h.

Quem tem idade superior a 63 anos e ainda não recebeu a vacina também pode procurar os postos no fim de semana, para ser imunizado.

O programa Avião Solidário da Latam decola, nesta quinta-feira (22/4), de São Paulo para o Distrito Federal, com os novos imunizantes contra a Covid-19. Ao todo, a companhia trará ao DF 46,5 mil doses de vacinas.  O voo sai de Guarulhos às 23h e chega ao DF à 0h40 de sexta-feira (23/4).

Veja a lista de postos:

postos de vacinação no DF

 

A vacinação contra a Covid-19, no Distrito Federal, começou em 19 de janeiro. Até o momento, a capital federal recebeu 12 remessas de vacinas, totalizando 712.310 doses de imunizantes.

Foram recebidas, até o momento, 536.560 unidades da vacina Coronavac. O produto foi desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac e é fabricado no Brasil pelo Instituto Butantan, em parceria com o laboratório chinês. A Coronavac deve ser administrada em duas doses, com intervalo de aplicação entre 14 e 28 dias.

O DF também recebeu 175.750 doses da vacina Covishield/AstraZeneca. O imunizante foi desenvolvido pela universidade inglesa de Oxford, em parceria com a farmacêutica sueco-britânica AstraZeneca. Produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), essa fórmula tem um intervalo de aplicação entre as doses de até 12 semanas.

Cerca de 10% das doses das vacinas são reservadas tecnicamente para repor eventuais perdas.

Últimas notícias