Por Ilca Maria Estevão, Rebeca Ligabue, Sabrina Pessoa, Marcella Freitas, Carina Benedetti e Luiz Maza

Riachuelo, Levi’s e Telfar assinam uniformes para Olimpíada de Tóquio

Para vestir os atletas na capital japonesa, principais grifes de moda se mobilizam e marcam presença nos pódios

atualizado 26/07/2021 21:35

Produtos para o time do BrasilPeak Sports/Divulgação

A Olimpíada de Tóquio teve start com a cerimônia de abertura, nessa sexta-feira (23/7), e promete agitar as torcidas mundiais até o primeiro domingo de agosto (8/8). Para levar a moda em grande estilo ao maior evento esportivo do mundo, marcas entraram em cena. Além da Skims, grife capitaneada por Kim Kardashian que criou coleção para atletas dos EUA, outras grandes etiquetas também estarão nos pódios.

Vem conferir!

Giphy/Havaianas/Divulgação

Brasil

Os atletas brasileiros chamaram a atenção logo na cerimônia de abertura. Com direito a uma “sambadinha” e muito gingado, a entrada da delegação também foi marcada pelo uniforme assinado pela etiqueta carioca Wöllner, com estampas multicoloridas.

O print da linha oficial desenvolvida para a ocasião carrega uma mistura entre a cultura brasileira e a japonesa. Com o fundo em verde e azul, que fazem parte da Bandeira do Brasil, os tons deram destaque aos motivos como folhas de bananeira, espadas de São Jorge, orelhas de elefantes, palmeiras, alocasias e heliconias que se misturaram aos tradicionais peixes carpa e flores presentes nos clássicos quimonos dos samurais.

Ainda no evento, a delegação brasileira desfilou com Havaianas nos pés. Os chinelos que carregam a bandeira do país nas suas tiras, nas cores azul e branca, foram lançados em uma linha de produtos licenciados criados especialmente para o dia de start da Olimpíada.

A marca, a cara do Brasil, também conquista espaço na base dos competidores no bairro Chuo, em Tóquio, onde os atletas circulam diariamente. Por lá, a Havaianas recheia o ambiente de brasilidade e marca presença como o calçado de entrada nos ambientes, seguindo a tradição japonesa de não usar os sapatos da rua ao adentar no espaço doméstico.

Produtos para o time do Brasil
Na abertura, o time brasileiro entrou com camisas da Wöllner

 

Produtos para o time do Brasil
A marca carioca desenvolveu uma estampa conceitual

 

Produtos para o time do Brasil
A Havaianas também não ficou de fora e está com a delegação

Outra marca que patrocina o time Brasil é a Riachuelo, que lançou neste mês peças exclusivas de uniformes casuais. Entretanto, a coleção temática é recheada com camisetas, polos, casacos e moletons. A varejista também patrocina o campeonato brasileiro de futebol feminino A-1 até 2023.

Por fim, na prática dos esportes em si, a quarta empresa de moda que entra em ação é a chinesa Peak Sports. Os atletas do Brasil estão vestindo os uniformes criados pela etiqueta, como casacos, camisetas e bonés.

Produtos para o time do Brasil
Riachuelo também está patrocinando o time

 

Produtos para o time do Brasil
Já os uniformes recebem a assinatura da Peak Sports
Canadá

Os uniformes olímpicos do Canadá, por sua vez, ganham tom despojado com direito à jaqueta jeans entre os modelitos. As peças criadas para a delegação são fruto da parceria entre a pioneira do jeans Levi’s e a etiqueta Hudson Bay.

“Nossa coleção festeja a inclusão e a neutralidade de gênero, ao mesmo tempo que captura um sentimento juvenil e de comemoração”, comunicou a etiqueta esportiva Levis. Algumas peças ganham estampas grafitadas, que misturam palavras em japonês com a bandeira canadense.

Produtos para o time do Brasil
Levi’s e a Hudson Bay se uniram em collab para os uniformes do Canadá

 

Produtos para o time do Brasil
Com direito à jaqueta jeans
Libéria

A Libéria está com o time reduzido de cinco atletas para competir na Olimpíada. Mesmo com a delegação enxuta, o patrocínio dos uniformes ganha a poderosa assinatura criativa da grife estadunidense Telfar, reconhecida pelo icônico modelo de bolsa shopping bag.

Pela primeira vez, em mais de duas décadas, a delegação do país está recebendo patrocínio nos uniformes. A casa de luxo comandada pelo estilista Telfar Clemens, que é liberiano-americano, negro e gay, estava idealizando uma linha de roupas esportivas por um tempo, e o projeto olímpico foi a oportunidade perfeita para tirar a ideia do papel.

Os designs unissex que dão tom às criações da grife também marcam presença nos modelitos dos atletas. Com direito a calças leggins, macacões, moletons, mochilas e até sapatos de corrida. Todas as peças ganham a estrela da bandeira da Libéria.

Produtos para o time do Brasil
A Telfar também está assinando os uniformes

 

Produtos para o time do Brasil
O estilista Telfar Clemens, à esquerda, ao lado do atleta Emmanuel Matadi

 

Produtos para o time do Brasil
Os uniformes tem design unissex
França

Desde 2012, a Lacoste é a grife responsável pelos visuais da delegação Francesa. Para não perder o estilo, a marca levou as principais tendências aos uniformes: jaquetas oversized.

O item volumoso faz referência ao quimono, tradicional traje do Japão. “Porque nossa maior oportunidade é estarmos juntos. ⁣Mais do que nunca, a Lacoste está apoiando um único time francês em Tóquio”, comunicou a grife.

Produtos para o time do Brasil
A etiqueta francesa assinou novamente os uniformes da delegação

 

Produtos para o time do Brasil
A Lacoste está vestindo o time desde 2012
Itália

A equipe da Itália recebe criações especiais pela clássica etiqueta do país Giorgio Armani. Entre os itens, estão camisetas e macacões desenhados pelo renomado estilista Armani.

Em comunicado, o Comitê Olímpico da Itália (CONI) pontuou que os visuais elegantes também prestam homenagem ao país anfitrião dos jogos. A estampa circular nos casacos remete à bandeira japonesa, enquanto a palavra Itália é escrita na grafia do país.

Colaborou Sabrina Pessoa

Mais lidas
Últimas notícias