Por Ilca Maria Estevão, Rebeca Ligabue, Sabrina Pessoa, Marcella Freitas, Carina Benedetti e Luiz Maza

Pitti Uomo: evento italiano de moda apoia estilistas da Ucrânia

De volta ao presencial, importante feira do segmento fashion reúne jovens talentos em programação que vai até 17 de junho. Confira!

atualizado 16/06/2022 15:31

Homens com ternos coloridos encostados em uma parede marrom claraValentina Frugiuele/Getty Images

Já parou para pensar que as próximas tendências estão por aí? Além das tradicionais semanas de moda, que acontecem nas principais capitais fashion, outro termômetro para as novidades são os eventos voltados para os novos talentos e marcas iniciantes. É o caso do evento Pitti Uomo. A feira, voltada principalmente para a moda masculina, acontece na Itália até o dia 17 de junho. Nesta edição, estilistas da Ucrânia ganharam um espaço especial na exposição.

Vem conferir!

Giphy/Pitti Uomo/Divulgação

A feira de moda

Depois de algumas edições inteiramente remotas, por conta da pandemia de Covid-19, o Pitti Uomo está de volta com força total. Nos próximos dias, é esperado que compradores internacionais lotem a Fortezza da Basso, na cidade de Florença, para descobrir o que há de mais inovador no mercado e, de quebra, conhecer os designers em ascensão.

O evento costuma ser uma fonte de inspiração para etiquetas masculinas mundo afora. Logo, os itens lançados serão adquiridos por milhares de consumidores e caçadores de tendências de grandes varejistas e, como consequência, esses modelos servirão de guia para o desenvolvimento de coleções.

Consolidando o sucesso do que foi lançado na feira, empresas como a Zara, H&M, Topshop e até mesmo a C&A traduzem a essência das criações vistas a fim de popularizá-las ao máximo e até mesmo passá-las adiante pelo ciclo comercial da moda. A começar pelo mix de expositores, a programação tem como foco a diversidade. De sustentabilidade à produção manual, de estética sem gênero a tecidos tecnológicos, o Pitti Uomo é um verdadeiro intercâmbio de projetos.

Pitti Immagine Uomo
O Pitti Uomo é um evento que acontece em Florença, na Itália

 

Pitti Immagine Uomo
A feira de moda tem como foco o universo masculino

 

Pitti Immagine Uomo
O mix de expositores é pensado para apresentar diversidade e criatividade

 

Pitti Immagine Uomo
O evento acontece até o dia 17 de junho
Apoio à Ucrânia

Diante da crise humanitária, social e econômica que afeta a Ucrânia desde a invasão russa iniciada em fevereiro, o Pitti Uomo resolveu demonstrar apoio ao país europeu, e convidou 12 designers ucranianos para expor as coleções mais recentes.

O projeto, intitulado Ukrainian Fashion Now (Moda Ucraniana Agora, em tradução livre), visa lançar luz sobre a energia da moda no país e a resiliência das marcas locais que perseveraram apesar das dificuldades. A iniciativa foi realizada com a contribuição da Fondazione CR Firenze, organização sem fins lucrativos.

“Para nós, a Ucrânia não é tanto o que se percebe hoje, dada a difícil situação que todos conhecemos, mas um país com o qual temos uma relação de longa data”, afirmou Raffaello Napoleone, CEO do Pitti Uomo, em entrevista ao portal WWD. “Tivemos a Ucrânia como nação convidada na edição de  2014”, completou.

Mulher usa vestido marrom
Nesta edição, a feira de moda convidou 12 estilistas ucranianos. Entre eles, destaca-se o trabalho de Kristina Bobkova, que aposta em silhuetas marcadas

 

mulher encostada na parede com calça verde e top preto
A designer Katerina Kvit propõe cortes modernos de alfaiataria

 

mulher com brinco delicado e camisa marrom
O Gunia Project combina design thinking e pesquisa etnográfica nas criações

 

Pitti Uomo - VIKTORANISIMOV mulher usa casaco preto na cabeça e blusa preta
Enquanto isso, a Viktoranisimov reinterpreta códigos da vestimenta militar

As coleções, principalmente de moda feminina, serão expostas em um espaço dentro da área batizada de Arsenale, no primeiro andar da Fortezza da Basso. Cada designer jogou de acordo com seu próprio livro de regras, mas todos se comprometeram a traduzir a herança cultural da terra natal.

Com roupas e acessórios coloridos, a marca Gunia Project, fundada pela dupla Natalia Kamenska e Maria Gavryluk, exalta o artesanato tradicional do país. A etiqueta comandada por Kristina Bobkova busca oferecer peças que proporcionam às mulheres confiança, feminilidade e delicadeza.

Os códigos tradicionais da alfaiataria masculina são reinterpretados por Katerina Kvit, que propõe modelagens com cortes modernos. Enquanto isso, Viktoranisimov  mescla a estética utilitária com a social em trajes  produzidos com tecidos sustentáveis. O evento acontecerá até o dia 17 de junho. A programação pode ser conferida no site da organização.

 

Colaborou Marcella Freitas

Mais lidas
Últimas notícias