Notícias, furos e bastidores de política e economia. Com Gustavo Zucchi

No STF, previsão é que Moraes retomará logo julgamento do marco temporal

Segundo outros integrantes da Corte, Alexandre de Moraes pediu vista do processo porque o plenário está sem três ministros nessa semana

atualizado 15/09/2021 23:38

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O Supremo Tribunal Federal (STF) não deve demorar muito a retomar o julgamento em plenário do marco temporal das terras indígenas no Brasil.

A análise do tema na Corte foi interrompida na tarde dessa quarta-feira (15/9), após um pedido de vista do ministro do STF Alexandre de Moraes.

Segundo outros ministros do Supremo ouvidos pela coluna, Moraes “não deve demorar” a devolver o processo ao plenário, o que permitirá a retomada do julgamento.

A expectativa no Supremo é de que o ministro devolva o caso na próxima semana ou, no mais tardar, na última semana de agosto. Até agora, ele não se pronunciou oficialmente.

Integrantes do STF dizem que Moraes teria pedido vista porque o plenário da Corte está sem três ministros nessa semana: Luiz Fux, Luís Roberto Barroso e Marco Aurélio Mello.

Fux está no Rio para cerimônia judaica do Yom Kipur. Barroso viajou para acompanhar as eleições na Rússia. Já Marco Aurélio se aposentou em julho e ainda não foi substituído.

Mais lidas
Últimas notícias