Notícias, furos e bastidores de política e economia. Com Gustavo Zucchi

Hacker declarou voto em Lula dias antes de ser recebido por Bolsonaro

Walter Delgatti, hacker responsável pela Vaza Jato, declarou voto em Lula dias antes de se reunir com Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada

atualizado 15/08/2022 14:44

Andre Borges/Especial para o Metrópoles

Responsável por acessar as mensagens de autoridades reveladas pela chamada “Vaza Jato”, o hacker Walter Delgatti declarou voto no ex-presidente Lula (PT) dias antes de se reunir com o presidente Jair Bolsonaro, em Brasília.

A declaração ocorreu em entrevista de Delgatti à Revista Fórum, veículo mais alinhado com o PT, que foi exibida em 28 de julho, exatos 14 dias antes de o hacker ser recebido por Bolsonaro no Palácio da Alvorada.

“O Walter de hoje, sem dúvidas, vota no Lula, e não só voto, como peço que votem no Lula, faço campanha. Vou apertar 13”, afirmou Delgatti na entrevista.

Delgatti esteve com Bolsonaro na manhã da última quarta-feira (10/8). Ele foi levado pela deputada federal Carla Zambelli (PL-SP), que queria que o hacker ajudasse no discurso do presidente contra as urnas eletrônicas.

Como mostrou a coluna, Bolsonaro e integrantes de sua campanha à reeleição não gostaram da iniciativa de Zambelli. O próprio presidente reclamou diretamente com Zambelli, após o encontro ser divulgado pela imprensa.

Delgatti, vale lembrar, foi o responsável por revelar mensagens trocadas por integrantes da Lava Jato, que contribuíram para o STF anular as condenações de Lula no âmbito da operação.

Mais lidas
Últimas notícias