Cúpula do MDB descarta apoio à candidatura de Alckmin em 2022

Segundo o presidente do partido, Baleia Rossi, a sigla deve apoiar o vice-governador Rodrigo Garcia (PSDB) na disputa pelo governo paulista

atualizado 14/08/2021 12:18

Gilberto Kassab, Geraldo Alckmin, Márcio França e Paulo SkafReprodução

O presidente nacional do MDB, deputado federal Baleia Rossi (SP), descartou o apoio do partido à provável candidatura de Geraldo Alckmin ao governo de São Paulo pelo PSD, nas eleições de 2022.

“O MDB de São Paulo está construindo o projeto majoritário (ao Palácio dos Bandeirantes) junto com o vice-governador Rodrigo Garcia (PSDB)”, afirmou Rossi à coluna.

A declaração vem após Paulo Skaf e o prefeito da capital paulista, Ricardo Nunes, ambos do MDB, participarem de almoço, nessa sexta-feira (13/8), com Alckmin e o presidente do PSD, Gilberto Kassab.

Segundo fontes do PSDB, a presença dos emedebistas no evento incomodou Garcia, que será candidato ao governo paulista no lugar do governador João Doria (PSDB), que tentará o Palácio do Planalto.

Nos bastidores, pessoas próximas a Skaf dizem que o empresário já avisou a aliados que vai deixar o MDB e se filiar ao partido que o presidente Jair Bolsonaro escolher para disputar o pleito de 2022.

Últimas notícias