Notícias, furos e bastidores de política e economia. Com Gustavo Zucchi

Após vídeo em Bauru, deputado do DF quer proibir banheiros multigênero

Projeto protocolado por Julio Cesar Ribeiro (Republicanos) tenta vetar banheiros sem distinção de gênero em locais públicos no Brasil

atualizado 17/11/2021 6:50

Homem de terno falando ao microfoneCleia Viana/Câmara dos Deputados

A polêmica sobre o banheiro unissex em uma unidade do McDonald’s em Bauru, no interior de São Paulo, chegou à Câmara dos Deputados. Após o assunto ser debatido nas redes sociais no fim de semana, um parlamentar protocolou projeto de lei a fim de impedir novos toaletes sem definição de gênero em locais públicos pelo país.

A proposta foi protocolada nessa terça-feira (16/11) pelo deputado e pastor Julio Cesar Ribeiro (Republicanos-DF). O texto prevê que fica proibida “a instalação e a adequação de banheiros, vestiários e assemelhados na modalidade unissex, nos espaços públicos, estabelecimentos comerciais e demais ambientes de trabalho”.

O debate sobre banheiros sem distinção de sexo voltou à tona na semana passada, após viralizar na internet um vídeo no qual uma mulher acusava a rede McDonald’s de “comunista” por causa dos banheiros multigêneros na unidade de Bauru (SP).

Esses tipos de banheiros podem ser usados por homens, mulheres e o público LGBTQIA+. Eles podem usar o espaço até mesmo ao lado de crianças e idosos. No caso da unidade do interior de São Paulo, contudo, os lavatórios eram de uso individual.

Após o ocorrido, a Prefeitura de Bauru, comandada por Suéllen Rosim (Patriota), autuou a lanchonete, alegando que o código sanitário não foi respeitado.

Veja o vídeo:

Mais lidas
Últimas notícias