Com Eduardo Barretto (interino), Bruna Lima, Eduardo Ghirotto e Paulo Cappelli

PDT pode desistir de lançar Cabo Daciolo ao Senado para apoiar Molon

A decisão será tomada nas próximas semanas e depende das alianças políticas que o partido fará no estado

atualizado 06/04/2022 23:36

Divulgação/Band

O PDT pode desistir de lançar a candidatura de Cabo Daciolo ao Senado pelo Rio de Janeiro para apoiar o deputado Alessandro Molon, candidato do PSB. A decisão será tomada nas próximas semanas e depende das alianças políticas que o partido fará no estado.

Cabo Daciolo estava filiado ao Pros e chegou a lançar sua pré-candidatura ao governo do estado, mas trocou de partido e alegou que teve um “encontro sobrenatural” com o PDT. No partido, o ex-candidato ao Planalto em 2018 cogita tanto o Senado quanto a Câmara.

Mesmo tendo vontade de lançar o sargento do Corpo de Bombeiros ao Senado, dirigentes do PDT avaliam unir-se em torno de Molon para não fragmentar ainda mais a esquerda fluminense.

Marcelo Freixo, candidato do PSB ao governo do estado, apoiará André Ceciliano, candidato do PT, em vez de Molon, seu correligionário.

O palanque de Freixo ao lado de Ceciliano foi uma condição imposta pelo PT, que se negou a apoiar duas candidaturas majoritárias no estado.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna