Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Natália Portinari

Os ataques dos candidatos ao governo do RJ contra Cláudio Castro

O governador do Rio de Janeiro tentará a reeleição pelo PL, partido de Jair Bolsonaro

atualizado 14/03/2022 14:40

Cláudio Castro fala ao microfone Foto: Carlos Magno/Governo do Rio de Janeiro

Os candidatos ao governo do Rio de Janeiro Felipe Santa Cruz (PSD), Rodrigo Neves (PDT) e Marcelo Freixo (PSB) têm uma estratégia em comum: seguirão a mesma linha de ataques contra o atual governador do estado, Cláudio Castro. Castro tentará a reeleição pelo PL, partido de Jair Bolsonaro.

Além de ressaltar que Castro é o candidato do bolsonarismo, Santa Cruz, Neves e Freixo irão acusar o governador de lotear cargos, fazer mau uso do dinheiro da concessão da Companhia Estadual de Águas e Esgoto (Cedae) e a impor uma política violenta de segurança pública.

Os três candidatos irão manter, pelo menos no início, as investidas contra a “pessoa jurídica” de Castro, ou seja, sua gestão à frente do governo do Rio de Janeiro. Contudo, eles sabem que terão um ativo eleitoral se relembrarem aos fluminenses que Castro é investigado pelo Ministério Público estadual por supostas fraudes durante a pandemia.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

(Atualização às 12h05 do dia 14 de março de 2022: Em nota, a assessoria do governador Cláudio Castro informou que as investigações contra ele foram arquivadas no Ministério Público e no Tribunal de Contas do Estado)

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna