Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

Diretor da Polícia Federal se reuniu com empresários em tabacaria de SP

Encontro ocorreu em 30 de setembro e contou com a participação de empresários simpáticos ao presidente Jair Bolsonaro 

atualizado 08/10/2021 17:37

Paulo MaiurinoDivulgação/Assembleia Legislativa de São Paulo

O diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, se reuniu com diversos empresários no dia 30 de setembro numa tabacaria em São Paulo. A reunião foi organizada pelo grupo Esfera Brasil, uma iniciativa de João Carlos Camargo, do Grupo Camargo de Comunicação, para aproximar executivos e autoridades, semelhante ao que faz o Lide, fundado por João Doria.

O ministro Dias Toffoli, responsável por indicar Maiurino a Jair Bolsonaro, tinha confirmado presença no encontro, mas não apareceu. Maiurino foi secretário de Segurança do STF na gestão Toffoli.

Entre os presentes estavam empresários simpáticos ao bolsonarismo, como Washington Cinel, da Gocil Segurança, e outros que estão fazendo as primeiras incursões em encontros políticos, como Jaimes Almeida Junior, dono da rede de shoppings catarinenses Almeida Junior.

Ao contrário de outros eventos, o Esfera Brasil não publicou uma nota em seu site sobre o encontro com Maiurino. A iniciativa tem o costume de dar publicidade às reuniões que organiza, como fez com os governadores do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, e de Minas Gerais, Romeu Zema, entre outros.

Camargo já vinha trabalhando para aproximar o empresariado de autoridades políticas antes de fundar o Esfera Brasil. Ele organizou diversos jantares com convidados como o próprio Bolsonaro, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o apresentador Luciano Huck.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna