Com Eduardo Barretto (interino), Bruna Lima, Eduardo Ghirotto e Paulo Cappelli

Bolsonaro quer explodir contra STF por bloqueio do Telegram

Decisão foi assinada pelo ministro Alexandre de Mores, do Supremo, a pedido da PF

atualizado 18/03/2022 15:59

Ministro da Saúde Marcelo Queiroga Atletas olímpicos e paralímpicos Jogos de Tóquio são recebidos pelo presidente Jair Bolsonaro no Palácio do PlanaltoHugo Barreto/Metrópoles

Ministros do Centrão já começaram a se movimentar para segurar Jair Bolsonaro e impedir que o presidente volte a atacar o Supremo, desta vez pelo bloqueio ao Telegram, determinado por Alexandre de Moraes após um pedido da Polícia Federal.

O presidente considera que a medida foi um ato contra sua campanha, que precisa do Telegram para se comunicar com a parte mais leal de seus eleitores.

Bolsonaro quer falar ainda nesta sexta-feira (18/3) contra a decisão.

0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna