Para uns a Libertadores é “mata-mata”; para outros é “morre-morre”

Flamengo e Palmeiras encaminharam classificação para as semifinais, enquanto Corinthians e Atlético deixam torcedores frustrados

atualizado 04/08/2022 12:34

Atlético-MG e Palmeiras em disputa na Copa Libertadores - MetrópolesDivulgação/CONMEBOL Libertadores

A sensação de derrota já contagiou os torcedores do Corinthians e do Atlético-MG nesta reta final da Copa Libertadores da América. É lógico que nem tudo está decidido ainda, mas os resultados dos jogos de ida desse mata-mata deixaram a sensação de “morre-morre”.

Na terça-feira (2/8), o Flamengo abateu o Corinthians de forma contundente, na Neo Química Arena. Poucos acreditam que haverá forças para uma “remontada” – como dizem os espanhóis. Nem o técnico Vítor Pereira:

“Custa muito, estou um bocadinho em choque de realidade. Custa muito, custa muito perceber que o jogo de fato não é fácil de reverter uma situação dessa na Libertadores. Temos que ir lá competir, dar o nosso melhor”, disse o treinador.

Na quarta-feira (3/8), num jogo eletrizante, o Palmeiras foi buscar um empate heróico diante do Galo, após estar perdendo por 2 x 0. Fora de casa, esse é o tipo de resultado que dá moral ao visitante. E olha que não estamos falando de um visitante qualquer.

O Verdão ampliou o seu recorde na Libertadores da América e chegou a 20 jogos de invencibilidade como visitante. Desde que Abel Ferreira chegou ao clube, o Palmeiras nunca foi derrotado fora de casa. A última vez foi em 2019, ainda pela fase de grupos, para o San Lorenzo (0 x 1), na Argentina.

Agora vamos esperar pelo confronto de Athletico-PR e Estudiantes. Se o time paraense vencer, é seguro que teremos pelo menos um brasileiro na decisão deste ano.

Tomara que nenhum deles “morra” no final.

Para acompanhar as atualizações da coluna, siga o “Futebol Etc” no Twitter; e também no Instagram.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu celular? Entre no canal do Metrópoles no Telegram e não deixe de nos seguir também no Instagram!

Mais lidas
Últimas notícias