A Benzema o que é de Benzema; assim como fizeram com Robinho

Se for condenado, atacante do Real Madrid e da França corre risco de ficar preso por até cinco anos e pagar uma multa de R$ 484 mil

atualizado 21/10/2021 13:14

Karim Benzema FrançaAndrea Staccioli /Insidefoto/LightRocket via Getty Images

Começou nessa quarta-feira (20/10) o  julgamento que envolve os jogadores Karim Benzema e Mathieu Valbuena. O atacante do Real Madrid é acusado de chantagear o ex-colega da seleção francesa por conta de um vídeo erótico. Benzema não compareceu ao Tribunal de Versalhes.

O advogado Antoine Vey alegou “motivos profissionais”, já que o francês disputou um jogo da Liga dos Campeões na Ucrânia na véspera do julgamento e precisaria se preparar para a partida contra o Barcelona no próximo domingo (24/10).

Conforme a agência AFP, o advogado de Valbuena,  Paul-Albert Iweins, descreveu a ausência como deplorável: “Durante cinco anos, (Benzema) proclamou que desejava um confronto com meu cliente. Agora espero que o tribunal considere as consequências dessa atitude” — afirmou.

Se for condenado, Benzema corre risco de ficar preso por até cinco anos e pagar uma multa de 75 mil euros (cerca de R$ 484 mil).

A CESAR O QUE É DE CÉSAR

Como diz o ditado, A César o que é de César. Se for condenado, o astro do Real Madrid e da seleção francesa mereceria um tratamento semelhante ao que foi dado ao brasileiro Robinho. Recorde-se que, no começo do ano, a Justiça italiana condenou o ex-atacante do Santos a nove anos de prisão pelo crime de estupro coletivo, cometido numa boate de Milão, em 2013, quando atuava pelo Milan.

Por conta disso, Robinho, que hoje tem 37 anos, praticamente encerrou sua carreira. Ao menor sinal de interesse de qualquer clube em contratá-lo, as críticas na mídia e nas redes sociais impediam o fechamento do negócio.

CR7 TAMBÉM É SUSPEITO

Semanas atrás, o astro Cristiano Ronaldo foi alvo de um protesto de um grupo feminista, na sua reestreia no Manchester United, quando marcou dois gols na goleada dos Red Devils sobre o Newcastle, no Old Trafford. O caso se refere a uma denúncia de estupro contra CR7 feita em 2018.

O grupo Level Up pagou um avião para sobrevoar o estádio durante a partida com uma faixa que dizia “Believe Kathryn Mayorga” (Acreditem em Kathryn Mayorga). Na época, a mulher fez uma queixa crime contra o jogador. O caso teria acontecido em 2009, em Las Vegas, nos Estados Unidos, e acabou encerrado por falta de provas.

Mais lidas
Últimas notícias