De maconha a vegano: feira revela futuro de brinquedos eróticos

Indústria está de olho em evoluções do mercado, como vibradores em materiais sustentáveis e lubrificantes à base de canabis

Getty Images

atualizado 11/10/2019 21:43

Se a forma de se relacionar mudou, a maneira de ver o sexo evoluiu, diversos tabus foram derrubados e até a indústria de filmes pornôs se inclina a novidades, porquê, então, o mercado de produtos eróticos ficaria largado ao ostracismo? O setor, que movimentará US$ 20 bilhões no próximo ano, se reinventa na mesma medida em que tenta se adaptar a novos padrões de consumo, em grande parte impostos pelo público millennial.

Muitos dos apetrechos que farão parte do nosso repertório daqui a alguns anos foi apresentado ao longo dessa semana na Efofame, considerada a maior feira erótica do mundo. O evento ocorreu em Hannover, na Alemanha, e é voltado ao que há de mais moderno nessa área.

Ao Metrópoles, a empresária Natali Gutierrez (à frente do e-commerce Dona Coelha) selecionou o que há de mais quente e que, em breve, deverá chegar as prateleiras nacionais.

“Os toys que temos aqui no país vem da Europa, pois o Brasil ainda não possui marcas com produção própria de vibradores. Estamos muito avançado em termos de cosméticos, não perdemos nada para as marcas europeias. Contudo, quando falamos de tecnologia, ainda trazemos esses brinquedos da Europa e da China também”, conta.

“As pessoas buscam cada vez mais por produtos versáteis e, quando dizemos versáteis, nos referimos a produtos que podem ser utilizados tanto na relação sexual com o parceiro (a), quanto sozinho – há também uma preferência por toys que não são direcionados para um gênero ou orientação sexual específicos”, completa.

Aos detalhes!

0
Veganismo e sustentabilidade

Produtos veganos e com pegada sustentável ainda não são maioria no mercado erótico, mas, aos poucos, a indústria começa a mudar. Uma dqas marcas que promete reverter esse cenário é a Leaf+. A empresa tem uma linha de vibradores feita em um silicone menos nocivo à natureza. A embalagem em que são enviados é totalmente biodegradável.

Dedos mágicos

Outro produtinho que chamou atenção da empreendedora é o vibrador Be One, que pode ser encaixado nos dedos e é perfeito para uma preliminar inesquecível.

Jogo de sedução

Também é nova uma mercadoria batizada de Hide and Seek – que é, traduzindo, um jogo de mostra e esconde. Consiste em uma caneta com tinta invisível para escrever na pele. Ela só é revelada ao usar uma lanterna específica. Bom para deixar aqueles recados calientes no parceiro.

Luxo e design clean

Esqueça aqueles vibradores de pênis imensos e cheios de veias saltadas. Os toys agora se inclinam a uma linha mais clean, minimalista e luxuosa. A marca Yes for Lov é um exemplo das que investem em formatos mais sofisticados e materiais, idem.

Canabis

Os cosméticos à base de canabis também estão em alta no setor. A brasileira Intt tem uma linha completa que é produzida na fábrica européia, mas ainda não chegou ao Brasil. Apesar de serem feitos a partir da famosa planta, os produtos não têm um teor alucinógeno.

Últimas notícias