Michelle Bolsonaro se pronuncia após primo expor conversa: “Oportunismo”

Em nota enviada pela Comunicação da Presidência, Michelle lamenta que "alguns parentes tratem momentos pessoais com oportunismo"

atualizado 13/08/2020 7:49

Raimundo Sampaio/Esp. Metrópoles

Após a coluna revelar conversa entre a primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, e um primo dela, Eduardo D’Castro, a respeito da morte da avó materna da esposa do presidente Jair Bolsonaro, a comunicação da Presidência da República enviou nota sobre o caso.

“A primeira-dama Michelle Bolsonaro recebeu com pesar a notícia sobre o falecimento da avó. Ela sente e afirma que é um momento de tristeza e dor para toda a família”, diz o comunicado. Maria Aparecida Firmo Ferreira faleceu aos 81 anos, vítima da Covid-19. Ela estava internada na enfermaria do Hospital Regional de Ceilândia (HRC).

0

“A senhora Michelle Bolsonaro lamenta que alguns parentes tratem certos momentos tão pessoais com oportunismo em desrespeito ao sofrimento de todos”, continua a nota.

“A primeira-dama permanece recolhida em casa em tratamento contra o novo coronavírus e espera que o momento de luto seja respeitado, acima de quaisquer questões pessoais e familiares”, conclui o comunicado.

Últimas notícias