*
 
 

Bárbara Angelina sempre teve uma ligação forte com a arte. Depois de trabalhar como designer gráfica e com cerâmicas, sentiu que precisava de novos horizontes. O interesse por joias começou há três anos, como uma curiosidade, mas hoje se tornou uma espécie de encontro consigo mesma e ponto de realização.

Aos 28 anos, ela tem a própria marca, recém-criada, e pretende abrir um ateliê ainda em 2018, além de uma loja física em 2019. A primeira coleção de Bárbara Angelina, lançada em 2017, é uma homenagem às turmalinas, com nuances em verde, rosa e multicoloridas.

As peças são exploradas com os ouros branco e amarelo, combinadas com pérolas, esmeraldas, safiras e brilhantes. Bárbara também cria de forma personalizada, sob demanda.

Vem comigo saber mais!

JP Rodrigues/MetrópolesJP Rodrigues/Metrópoles

 

Com o trabalho instintivo, as inspirações da artista surgem a partir da própria rotina, em leituras, exposições e filmes. A linha Turmalinas foi arquitetada em momentos de reflexão.

“Eu vivo joias, estou sempre pensando nisso. Às vezes, paro, sento com um caderno e fico horas e horas imaginando”, conta a profissional.

Para a produção, ela demanda dois ourives de Brasília, para tentar valorizar o trabalho local. No entanto, reconhece que há uma limitação de mão de obra na cidade.

JP Rodrigues/MetrópolesJP Rodrigues/Metrópoles
A ideia de usar a turmalina veio da possibilidade de desenhar algo praticamente exclusivo. Para Bárbara Angelina, a pedra permite uma criação espontânea.

“Quis criar algo bem orgânico, trabalhar de forma livre. Escolhi a turmalina e comecei a pensar no que eu poderia desenvolver, explorar, e assim tudo fluiu. Meu trabalho se encontrou acompanhando a singularidade de cada pedra”, explica.

O resultado é incrível. As joias têm matizes que lembram o arco-íris, com composições modernas e, ao mesmo tempo, sofisticadas.

Confira:

JP Rodrigues/Metrópoles

Brincos Turmalina Rosé, em ouro branco com diamantes e turmalinas nas cores rosa e verde

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Brincos Trio Turmalinas. Brilhantes completam a peça

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Ear Cuff Verdelitas. Peça feita de ouro branco com placas de turmalina, pérolas e brilhantes

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Anel Arco-Íris, feito com turmalina multicolorida, safiras amarelas e turmalinas roxas, azuis, verdes e na cor rosa

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Anel Pétalas de Melancia, com turmalinas, esmeralda e brilhantes

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Anel Flor de Melancia, com turmalinas e brilhantes

 

JP Rodrigues/Metrópoles

Anel Turmalina Pink

 

A designer tem planos de levar as joias para São Paulo e, depois, para fora do país, principalmente Estados Unidos. As próximas produções serão uma linha em prata e uma toda em ouro.

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Rebeca Ligabue



 


modajoiasdesign de joias