GDF amplia fechamento de escolas e comércio até 5 de abril

Decreto foi publicado em edição extra do DODF na tarde desta quinta-feira (19/03)

atualizado 19/03/2020 19:25

Comércio do DF fechado por causa do coronavírus Hugo Barreto/Metrópoles

O Governo do Distrito Federal (GDF) ampliou o período em que escolas e estabelecimentos comerciais deverão permanecer fechados. O novo prazo da quarentena, imposta diante da expansão dos casos de coronavírus na capital do país, é até dia 5 de abril.

A medida foi publicada em edição extra do Diário Oficial do DF nesta quinta-feira (19/03).

O texto também determina que estabelecimentos comerciais, de qualquer natureza, inclusive shoppings, bares, restaurantes, lojas de conveniência, salões de beleza e centros estéticos permaneçam com as portas fechadas no período. As determinações também proíbem cultos e missas de qualquer credo ou religião.

Poderão funcionar apenas clínicas médicas, laboratórios, farmácias, mercearias, padarias, açougues, peixarias, postos de combustíveis, operações de delivery, supermercados e lojas de materiais de construção e produtos para casa.

O número de casos de pacientes infectados pelo coronavírus mais do que dobrou em menos de 24 horas no Distrito Federal, passando de 36 para 84 confirmações.

As informações são do governador Ibaneis Rocha (MDB). Apenas nesta quinta-feira, foram 38 resultados positivos para a Covid-19. Do total, 46 são homens e 38, mulheres.

Últimas notícias