Zé Trovão questiona áudio de Bolsonaro e pede “vídeo com data e hora”

O caminhoneiro pediu uma confirmação de Bolsonaro sobre o desbloqueio das vias. "Se o senhor quer realmente isso, peça diretamente"

atualizado 09/09/2021 1:25

Reprodução

Logo após áudio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ser repassado aos caminhoneiros, no fim da noite dessa quarta-feira (8/9), pedindo o fim dos bloqueios nas estradas no Brasil, Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, fez vários vídeos em resposta.

Em um deles, faz um apelo a Bolsonaro. “Presidente, o povo precisa do senhor. O senhor está nos convocando desde o começo do ano. Presidente, pelo amor de Deus, estão atacando nosso povo aí em Brasília. O senhor é nossa única salvação. Faz o que tem que ser feito, pelo amor de Deus”, disse.

Logo em seguida, em outra gravação, questiona a autenticidade do áudio e pede uma confirmação do posicionamento de Bolsonaro. “Se o senhor quer realmente isso, peça diretamente para nós. Nós estamos aqui, sempre apoiamos o senhor. Veja bem tudo o que está acontecendo. A gente precisa resolver tudo isso. Precisamos de uma resposta do senhor. Se é para abrir, faça um vídeo, fale data e hora e nos peça, daí a gente vai atender o senhor”, ressaltou.

Veja:

Zé Trovão está foragido após ter a prisão decretada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Áudio de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) gravou áudio, na noite dessa quarta-feira (8/9), pedindo aos caminhoneiros para liberarem as estradas do país. Na gravação, Bolsonaro aparece dizendo que o bloqueio atrapalha a economia.

“Fala para os caminhoneiros aí, que são nossos aliados, mas esses bloqueios atrapalham a nossa economia. Isso provoca desabastecimento, inflação e prejudica todo mundo, em especial, os mais pobres”, falou.

“Então, dá um toque no caras aí, se for possível, para liberar , tá ok? Para a gente seguir a normalidade. Deixa com a gente em Brasília aqui e agora. Mas não é fácil negociar e conversar por aqui com autoridades. Não é fácil. Mas a gente vai fazer a nossa parte aqui e vamos buscar uma solução para isso, tá ok? E aproveita, em meu nome, dá um abraço em todos os caminhoneiros. Valeu”, continuou.

Ouça:

A autenticidade do áudio foi confirmada pelo ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Em vídeo publicado em grupos de WhatsApp, o ministro confirmou o conteúdo do áudio e reafirmou a preocupação do presidente Bolsonaro com o bloqueio das estradas.

Últimas notícias