Vídeos mostram enchente na região da Chapada dos Veadeiros (GO)

Casas foram destruídas pela força da água, estradas caíram no abismo, bar e pontes ficaram submersos. Cidade de Cavalcante ficou destruída

atualizado 28/12/2021 13:47

Fortes chuvas que atinge Cavalcante (GO), na Chapada dos Veadeiros, isolou moradores Rede Kalunga Comunicações

Goiânia – Vídeos feitos por moradores mostram uma situação caótica em comunidades quilombolas na região da Chapada dos Veadeiros, em Goiás, após uma enchente que atingiu a localidade. Os povoados estão isolados, mais de mil pessoas ficaram ilhadas, após vários dias de chuva.

Um dos vídeos mostra a situação da cachoeira Barroco, em Cavalcante. O rio transbordou e passou do nível da passarela de madeira que leva até a beira do atrativo turístico. Os vídeos ainda mostram um bar que foi alagado após enchente do Rio das Almas.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

Já na comunidade Ribeirão, em Monte Alegre, a água também destruiu residências. Um morador gravou um vídeo dizendo ter perdido a própria casa. “Infelizmente perdi a minha casinha. Mais uma casa indo para o chão”, diz o homem.

Pontes e estradas também foram levadas com a força da água, depois de rios transbordarem durante a enchente na Chapada dos Veadeiros.

Veja os vídeos:

As prefeituras de Cavalcante e Monte Alegre decretaram estado de calamidade pública. As imagens foram cedidas pela Rede Kalunga Comunicações, veículo de informação e comunicação oficial da Chapada dos Veadeiros.

Asfalto cedeu

Além das duas cidades, o município de Teresina de Goiás registrou destruição depois das chuvas. A Rodovia GO-118 que dá acesso à cidade está parcialmente interditada depois que uma parte do asfalto cedeu e abriu uma cratera.

Outra gravação mostra que o rio passou do limite da ponte de corda que leva até o Poço Encantado, um ponto turístico de Teresina. Fotos nas redes sociais também revelam a destruição de estradas de terra na beira de abismos, como na estrada da Serra do Vão.

Ajuda

O governador Ronaldo Caiado esteve na região nessa segunda-feira (27/12). Ele anunciou o envio de embarcações do Corpo de Bombeiros para áreas remotas de Monte Alegre e Cavalcante, que levarão produtos de higiene e cestas básicas.

A Secretaria Municipal de Assistência Social de Cavalcante divulgou três telefones de urgência para as comunidades que estejam com necessidade de alimentação, abrigo, vestuário, assistência médica e transporte. Os números são (62) 3494-1074, (62) 9 9984-5944 e (62) 9 9649-1679.

Prefeito de Cavalcante, Vilmar Sousa Costa, o Vilmar Calunga, disse ao Metrópoles que os moradores precisam de ajuda do governo federal. Pelo menos seis pontes foram destruídas. “A situação não está bonita. Está mais fácil descrever o que não foi estragado pela chuva. Já são 20 dias de chuva e continua chovendo.”

Mais lidas
Últimas notícias