Turista brasileira é encontrada morta em quarto de hotel no Chile

Moradora de Sorocaba (SP), Giovanna Elias Bardi trabalhava como tradutora e programou o passeio para conhecer o país sozinha

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 08/07/2019 6:23

A brasileira Giovanna Elias Bardi, de 35 anos, foi encontrada morta dentro de um quarto de hotel, nesse sábado (06/07/2019), em Santiago, capital do Chile. Segundo o namorado, Leandro Bonello, ela fazia uma viagem de quatro dias a turismo. As informações são do G1.

Moradora de Sorocaba (SP), no interior de São Paulo, Giovanna trabalhava como tradutora e programou o passeio para conhecer o país sozinha. Ainda de acordo com o namorado, a causa da morte é desconhecida.

O último contato com ela foi feito na noite de quinta-feira (04/07/2019). Os parentes e o namorado se preocuparam quando ela não atendeu ligações e não respondeu mensagens na manhã da última sexta-feira (05/07/2019).

Liberação do corpo
Segundo Bonello, eles conseguiram entrar em contato com o hotel onde ela estava hospedada. A tradutora foi encontrada sem vida.

Ao G1, o Itamaraty informou que foi procurado pelo companheiro de Giovanna e que o caso foi encaminhado para o Consulado em Santiago. Os trâmites para o translado do corpo estão sendo realizados, mas ainda não há previsão para a liberação do corpo.

Últimas notícias