Três casos suspeitos de mucormicose são investigados em SC

Os casos no estado foram notificados entre os dias 29 de maio e 08 de junho, em Joinville, Chapecó e Jaraguá do Sul

atualizado 09/06/2021 21:02

Unicamp/Reprodução

Três casos suspeitos de mucormicose, também conhecido como Fungo Negro, infecção fúngica grave, estão sendo investigados em Santa Catarina. A informação foi confirmada pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (Dive) e, segundo o órgão, a comprovação dos casos pode demorar até 60 dias para sair.

A existência do fungo foi notificada pelos municípios de Joinville, Chapecó e Jaraguá do Sul.

Leia mais no portal NSC Total, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias