Tebet quer que ministro da Justiça e chefe da PRF expliquem bloqueios

Tebet quer explicações de Anderson Torres e Silvinei Vasques sobre medidas para desobstruir vias após vídeo de pai desesperado em bloqueio

atualizado 23/11/2022 21:35

Imagem colorida mostra senadora Simone Tebet (MDB) falando diante de um microfone - Metrópoles Fábio Vieira/Metrópoles

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) apresentou, nesta quarta-feira (23/11), requerimento no Senado Federal para convocação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, e do diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques. O pedido é para esclarecer medidas que têm sido tomadas para extinguir os bloqueios em vias.

Segundo a senadora, o que motivou sua decisão de apresentar o requerimento foi o vídeo de um pai de um menino de 9 anos que foi impedido de trafegar por uma rodovia de Mato Grosso ao tentar levar o filho para uma cirurgia oftalmológica em Cuiabá – sem o procedimento, o garoto poderia ficar cego.

“Ele é proibido de chegar ao hospital por aqueles que dizem gritar a favor da democracia. Quando na realidade estão fazendo exatamente o contrário, pedindo intervenção militar, discutindo a segurança das urnas e querendo recontagem de votos”, disse Tebet.

Ela destaca que não pretende pedir a proibição de manifestação pacífica e lícita, mas para “coibir que qualquer cidadão possa impedir o direito de passagem, o direito de ir e vir de qualquer cidadão”.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
0

A senadora Simone criticou a ação de manifestantes que impedem o direito de ir e vir. “Ninguém pode impedir esse trânsito, especialmente quando nós estamos falando da integridade física de uma criança”.

Pai se desespera em rodovia

Eder Rodrigues Boa Sorte, de 41 anos, é morador de Sorriso e tem dois filhos, um de 9 e outro de 10 anos. Ele conseguiu a cirurgia para o filho mais novo após uma batalha judicial. O menino espera há mais de três meses pelo procedimento, avaliado em R$ 15 mil.

Após três horas perdidas com negociações, eles só conseguiram seguir viagem por um caminho alternativo dentro de uma lavoura.

Veja:

Mais lidas
Últimas notícias