Suspeitos são presos com R$ 65 mil pagos por sequestro de idosos

Casal foi sequestrado na zona rural de Itaberaí (GO) e liberado, em 27/4, em Senador Canedo, região metropolitana. Família pagou R$ 100 mil

atualizado 01/05/2021 15:06

Divulgação: PMGO

Quatro suspeitos foram presos, neste sábado (1º/5), dois dias depois de sequestrarem um casal de idosos, na zona rural de Itaberaí, no centro de Goiás, a 102 km de Goiânia, mediante pagamento de R$ 100 mil para a liberação das vítimas, que ocorreu em seguida. A operação policial recuperou R$ 65 mil. Um primo das vítimas está entre os suspeitos.

Veja vídeo do material apreendido:

A operação foi realizada pelas Polícias Civil e Militar do estado. De acordo com a investigação, o pagamento foi realizado pelos familiares dos idosos para os criminosos, na quinta-feira (29/4), depois de quase 10 horas de sequestro. As vítimas acabaram liberadas na cidade de Senador Canedo, na região metropolitana.

Segundo a operação policial, um primo das vítimas é suspeito de planejar o crime com a ajuda de outros três supostos criminosos. Eles foram presos nas cidades de Itaberaí, Senador Canedo, Anápolis e Leopoldo de Bulhões, e não tiveram os nomes divulgados.

0
Apreensão

Além da prisão dos suspeitos e de recuperar parte do dinheiro, os policiais realizaram apreensão de duas armas de fogo com diversas munições, coletes à prova de balas e um veículo utilizado no crime.

Os criminosos foram conduzidos à delegacia de Itaberaí e irão responder pelos crimes de extorsão mediante sequestro, extorsão, posse ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

A operação contra o sequestro teve duração de dois dias ininterruptos e contou com a participação de mais de 60 policiais.

O Metrópoles não localizou a defesa dos suspeitos, já que eles não tiveram os nomes divulgados pela polícia.

Últimas notícias