Saúde se prepara para distribuir 1 milhão de doses da vacina da Pfizer

Ministério afirmou que capitais terão prioridade no recebimento dos imunizantes, uma vez que dispõem de estoques refrigerados adequados

atualizado 22/04/2021 21:01

vacina pfizer começa a vacinar os americanos na segunda dia 14Nicolas Economou/NurPhoto via Getty Images

O Ministério da Saúde informou, nesta quinta-feira (22/4), que se prepara para distribuir o primeiro lote de vacinas da farmacêutica Pfizer contra a Covid-19. Trata-se de remessa com 1 milhão de doses que devem ser enviadas a estados e municípios em maio.

Em nota, a pasta afirmou que capitais terão prioridade no recebimento dos imunizantes, uma vez que dispõem de estoques refrigerados adequados às condições necessárias para armazenamento dos produtos.

O ministério montou uma força-tarefa para notificar estados e municípios sobre os cuidados especiais com as doses e ajusta os detalhes finais da logística de distribuição.

“As vacinas da Pfizer serão entregues aos estados armazenadas entre -25°C e -15°C – as doses podem ficar nessa faixa de temperatura por até 14 dias. Assim que os imunizantes forem colocados na rede de frio nacional (+2°C a +8°C), a aplicação na população deve ocorrer em até cinco dias”, explica a pasta na nota.

“Devido ao curto espaço de tempo, o Ministério da Saúde está orientando, para essa primeira remessa, que a vacinação com as doses da Pfizer fique restrita às 27 capitais do país”, completa.

Em função da necessidade de refrigeração especial, a distribuição das vacinas ocorrerá em duas etapas: estados e Distrito Federal receberão 500 mil imunizantes para aplicação em primeira doses e, uma semana depois, a pasta irá encaminhas a segunda remessa, com as outras 500 mil unidades. O intervalo entre as aplicações é de 21 dias.

Compra de freezers

A Saúde anunciou, também, que está “em andamento” o processo de compra de 183 freezers de ultrabaixa temperatura, ou seja, que refrigeram entrem 90º e 60º C negativos.

Segundo o ministério, o equipamento é o mais indicado para o armazenamento das doses da Pfizer, por permitir que durem por seis meses.

“O Ministério da Saúde planeja entregar os freezers para as centrais estaduais e os gestores locais vão definir a estratégia de distribuição dos equipamentos em seus territórios”, disse.

O primeiro lote deve ser entregue em junho, com 30 freezers. A compra usará recursos da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas).

Últimas notícias