Tempo real

Acompanhe as últimas notícias sobre coronavírus

Acompanhe os acontecimentos relacionados à Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, que recebeu o nome de Sars-Cov-2

Transporte de servidores ao Buriti é suspenso durante o teletrabalho

Após os servidores do Governo do Distrito Federal (GDF) voltarem ao teletrabalho como forma de evitar o crescimento de contaminações pela Covid-19, o serviço chamado de Pare no Parque será interrompido. O projeto visava diminuir o estacionamento irregular nos arredores do Palácio do Buriti.

Segundo a Secretaria de Economia, como não há demanda pelo estacionamento, não há motivo para continuar o serviço. Quando os servidores voltarem ao trabalho presencial, a pasta informará sobre o retorno do Pare no Parque.

Leia mais

CTI de hospital em Porto Alegre chega a 116% de ocupação. Veja fotos

A situação é caótica no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Em imagens, é possível ver médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas e outros profissionais da saúde – que foram transferidos de outras áreas e especialidades – se desdobrando para atender pacientes graves de Covid-19, em meio à superlotação de leitos.

De acordo com a assessoria do hospital, a capacidade na CTI é de 105 vagas, mas há 122 doentes críticos em atendimento, acomodados em leitos extras instalados no próprio espaço e também na emergência. Isso representa uma ocupação de 116%.

Leia mais

Bolsonaro defende spray de Israel contra Covid-19: “Produto milagroso”

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender nesta terça-feira (2/3) o spray contra a Covid-19 que está sendo testado em Israel. Segundo ele, “não tem problema nenhum” usar esse spray em pessoas com a doença que estejam hospitalizadas e internadas em Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

“Como é para ser usado em quem está hospitalizado, quem está em UTI, eu acho que não tem problema nenhum usar esse spray no nariz do cara. O que é esse spray? Não sei, mas o que acontece: esse produto há 10 anos estava sendo investigado, estava sendo estudado para outro tipo de vírus”, disse ele a apoiadores ao regressar ao Palácio da Alvorada.

Leia mais

SP: hospitais atingem 100% de UTIs ocupadas e Doria apela à população

São Paulo - O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), pediu a colaboração da população para evitar o colapso no sistema de saúde do estado. Em uma série de tuítes, o tucano elencou várias ações tomadas pela sua gestão, mas mostra preocupação com o avanço da pandemia de Covid-19.

O tucano ressaltou que há hospitais com 100% de ocupação dos leitos de UTI, parte deles na rede privada.

Leia mais

Lira quer recursos recuperados pela Lava Jato para a compra de vacinas

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), defendeu, nesta terça-feira (2/3), que o valor de cerca de R$ 1,3 bilhão retido nas contas da Operação Lava Jato seja revertido para a aquisição de vacinas contra a Covid-19.

“Já é hora da Câmara se posicionar junto com o Senado sobre um dinheiro que está retido nas contas da Lava Jato, em torno de R$ 1,3 bilhão, R$ 1,4 bilhão, [que] isso seja rapidamente resolvido e revertido para compras de vacinas”, disse Lira, em entrevista à rádio Jovem Pan.

Leia mais

Senado aprova MP que dá 7 dias para Anvisa decidir se autoriza vacina

A Medida Provisória 1.026, que dá prazo de sete dias úteis para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decida sobre a aprovação temporária de vacinas contra a Covid-19, foi aprovada por 73 a zero votos, nesta terça-feira (2/3), pelo Senado Federal.

Agora o texto segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). É importante lembrar que esse prazo vale se o imunizante tiver recebido aval de ao menos uma entre 11 autoridades de saúde estrangeiras. Além disso, ele pode ser estendido para até 30 dias, caso faltem informações por parte da autoridade internacional.

Leia mais

SC: 16 pacientes com Covid morreram à espera por leitos especializados

O caos na saúde pública que assombrou Manaus (AM) chegou a outros pontos do Brasil. No estado de Santa Catarina as coisas não são diferentes. Entre o último dia 21 e essa segunda-feira (1°/3), foram registras 16 mortes de pacientes infectados com Covid-19 que esperavam por leitos especializados para tratar a doença. As informação são do G1. 

Dentre essas vítimas, nove pessoas são de Chapecó. Já em Itapema, uma técnica de enfermagem morreu na sexta-feira (26/2) à espera de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Leia mais

Média de mortes por Covid no Brasil bate novo recorde e vai a 1.261

A média móvel de óbitos em decorrência da Covid-19 no Brasil bateu novo recorde pelo sétimo dia consecutivo, chegando a 1.261 nesta terça-feira (2/3), o número mais alto desde o início da pandemia. O indicador, em comparação com o verificado há 14 dias, sofreu acréscimo de 21%, o que demonstra avanço da doença.

Em números absolutos, o país registrou 1.641 óbitos causados pela Covid-19 -- terceiro maior registro -- e 59.925 novas infecções de coronavírus nas últimas 24 horas, segundo o mais recente balanço divulgado pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). No total, o Brasil já perdeu 257.361 vidas para a doença e computou 10.646.926 casos de contaminação.

Leia mais

Média móvel de mortes por Covid-19 no DF cresce 62,2% e chega a 16

A média móvel de mortes por Covid-19 no Distrito Federal subiu para 16 nesta terça-feira (2/3). Na comparação com o indicador apurado há 14 dias houve um crescimento de 62,2% o que mostra alta na quantidade de mortes.

Devido ao tempo de incubação do novo coronavírus, adotou-se a recomendação dos especialistas no sentido de comparar a média móvel do dia com a de duas semanas antes. As oscilações no número de mortes ou de casos de até 15% para mais ou para menos caracterizam invariabilidade.

Leia mais

SP: comitê de médicos recomenda que Doria recue em decreto de igrejas

São Paulo - Médicos do centro de contingência para a Covid-19 recomendaram ao governador João Doria (PSDB) a retirada do funcionamento dos templos religiosos do rol de serviços essenciais no estado de São Paulo. A recomendação ocorreu em uma reunião nesta terça-feira (2/3).

A orientação vem um dia depois de o governador anunciar decreto que classificou serviços religiosos como essenciais. Ao lado de lideranças evangélicas do PSDB, Doria havia comemorado a decisão sob o lema “esperança, fé e oração”.

Leia mais
Imagem - Brasil coronavirus

Newsletter: cadastre-se e receba notícias sobre o coronavírus no seu email

Cadastre-se