Rio: entregador de aplicativo é preso por estupro de turista francesa

Crime aconteceu no último domingo (26); homem foi preso na tarde desta quarta-feira, em Botafogo, zona sul da cidade

atualizado 29/09/2021 19:49

Reprodução/Deat

Rio de Janeiro – Policiais da Delegacia Especial de Atendimento ao Turismo (Deat) prenderam, na tarde desta quarta-feira (29), um entregador de aplicativo de delivery suspeito de estuprar uma turista estrangeira.

Após um trabalho de inteligência, agentes cumpriram o mandado de prisão temporária de Tiago Rodrigues Pereira, acusado de forçar atos sexuais com uma turista francesa.

O crime ocorreu no último domingo (26), no interior da casa onde a mulher estava hospedada. Tiago foi preso no bairro Botafogo, na zona sul do Rio. A vítima já está em seu país de origem.

O Rappi, plataforma da qual o entregador era parceiro, informou que repudia com veemência o fato, e que colaborou com as investigações das autoridades policiais que culminaram na prisão do acusado. A empresa disse ainda que o entregador foi imediatamente banido da plataforma ao ser notificada da ocorrência.

Assista ao vídeo da chegada à delegacia:

Mais lidas
Últimas notícias