Quase 100 detentos são transferidos de Benfica para Bangu no RJ

As mudanças atendem ao pedido do interventor, general Walter Braga Netto, para combater a violência e superlotação nas prisões

Reprodução/EstadãoReprodução/Estadão

atualizado 08/05/2018 9:29

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou nesta terça-feira (8/5) a mudança de 98 detentos que estavam na Cadeia Pública José Frederico Marques, de Benfica, para o complexo penitenciário de Gericinó (Bangu).

As transferências estão sendo feitas para se adequar ao decreto do interventor federal na segurança do estado, general Walter Braga Netto, publicado em 3 de maio, no Diário Oficial.

A cadeia de Benfica foi reformada pelo governo do estado para receber os presos da Operação Lava Jato, que agora estão sendo transferidos para o presídio Pedrolino Werling de Oliveira (Bangu 8), no complexo de Gericinó. Entre os presos de Benfica, estavam os deputados estaduais Paulo Melo e Edson Albertassi, ambos do MDB.

Transferências estão sendo feitas também entre outras 12 unidades prisionais, de forma a se adequar ao decreto que, de acordo com a Seap, visa reestruturar a secretaria, privilegiando a segurança e a redução de superlotação.

Últimas notícias