PSDB e Cidadania aprovam apoio à candidatura de Simone Tebet

Durante convenção, partidos decidiram por unanimidade apoiar a senadora. MDB deve oficializar nome de Tebet nesta quarta-feira (27/7)

atualizado 27/07/2022 14:00

Pré-candidata à Presidência da República pelo MDB, Simone Tebet Hugo Barreto/Metrópoles

O PSDB e o Cidadania decidiram, por unanimidade, apoiar o nome de Simone Tebet para a disputa ao Planalto nas próximas eleições. Os partidos, que formam uma federação, realizaram uma convenção na manhã desta quarta-feira (27/7), no mesmo momento em que o MDB vota para aprovar o nome da senadora. A sigla deve oficializar o nome de Tebet ainda nesta tarde.

A convenção da federação ocorreu em formato híbrido, na sede do PSDB, em Brasília. Tebet, que teve o aval dos 19 votantes, participou brevemente do evento.

O vice-presidenciável, no entanto, segue indefinido. Ao que tudo indica, nome escolhido virá do PSDB. Um dos nomes ventilados para a chapa é o do tucano Tasso Jereissati (CE), que, nessa terça (26/7), voltou a colocar em dúvida sua candidatura.

“Fui um dos primeiros a manifestar meu entusiasmo pela candidatura da Simone. Acho uma candidatura preparadíssima, e ela é capaz de unir o Brasil. No entanto, a definição da vice depende de uma série de conversas e entendimentos internos de sentido político e eleitoral, em que o propósito final será encontrar aquilo que seja o melhor para a candidatura. Qualquer que seja a decisão, estarei do lado dela”, disse em nota.

Os três partidos se uniram para lançar uma candidatura da chamada “terceira via”, uma alternativa aos nomes de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) – ambos lideram as pesquisas de intenção de votos e buscam voltar ao comando do país no próximo ano. O terceiro colocado nas pesquisas é Ciro Gomes (PDT).

Mais lidas
Últimas notícias