Vanderlan Cardoso sai em defesa de Chico Rodrigues e depois apaga áudio

Senador de Goiás disse ter sido mal interpretado e que defende as instituições, não o colega encontrado com dinheiro nas nádegas

atualizado 16/10/2020 17:01

Andre Borges/Esp. Metrópoles

O senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO) enviou um áudio em grupo de senadores, saindo em defesa do senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que foi flagrado pela Polícia Federal com dinheiro escondido dentro da cueca.

Segundo matéria do site “O Antagonista”, a defesa do senador conclamava a todos a amparar legalmente o “amigo e companheiro” Chico Rodrigues, que pode ser afastado do cargo caso o Senado aceite decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Não tem nada que desabone Chico Rodrigues. Espero que o Davi (Alcolumbre) realmente tome providências e dê amparo legal ao nosso amigo e companheiro”, diz trecho do áudio, segundo o Antagonista

Vanderlan é candidato à Prefeitura de Goiânia e tem o apoio do governador Ronaldo Caiado (DEM). De acordo com sua assessoria, ele não confirma as declarações que teriam sido retiradas do áudio, mas não nega a mensagem. Em nota, a assessoria do senador alega que ele foi mal interpretado. O senador informou que sua intenção era defender a instituição Senado, não o colega que foi preso com dinheiro na cueca.

“A decisão monocrática do ministro do STF fere a instituição e as garantias constitucionais. Apenas uma decisão plenária, como prevê a nossa Constituição, pode afastar um parlamentar. Qualquer conduta irregular deve ser analisada pelo Conselho de Ética da Casa e, se comprovada dentro do processo legal, devidamente punida”, registra a nota.

Disputa

Após o episódio, o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO), que é adversário político de Vanderlan em Goiás, cobrou nas redes sociais que ele assuma a defesa que fez de Chico Rodrigues. “Falso até na amizade, sustente a defesa deplorável que fez”, disse o senador.


Mais cedo, Kajuru mencionou a defesa que Vanderlan fez de Rodrigues ao comentar uma postagem do colega de senado.

0

Últimas notícias