Prestes a completar 1 ano, Conselho Nacional da Amazônia se reúne na quarta

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), que também preside o CNAL, fez o comunicado nesta segunda-feira (8/2)

atualizado 08/02/2021 10:52

Bruno Batista/ VPR

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), informou, nesta segunda-feira (8/2), que o Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL) se reunirá na próxima quarta-feira (10/2) para despachar sobre o fim da Operação Verde Brasil 2, apresentação do novo Plano Amazônia, entre outros assuntos.

O CNAL completa um ano de criação na quinta-feira (11/2).

“Nós vamos apresentar para o conselho como um todo o Plano Amazônia, que é um plano de combate ao desmatamento, queimada e outras ilegalidades. A ministra Damares [Alves, integrante do Conselho] vai apresentar o trabalho que estão fazendo no programa Abrace Marajó”, disse Mourão, que também preside o conselho.

Detalhando mais acerca do Plano Amazônia, o general disse que se trata de um esforço conjunto das agências reguladoras. “O Plano Amazônia é apenas utilizar nossas agências restringindo a área de atuação para aqueles municípios onde a gente sabe que existe uma incidência maior nos desmatamento e queimadas, mais foco na ação.”

Mourão também afirmou que o ministro de Desenvolvimento Regional vai tocar em alguns planejamentos que eles têm. Principalmente a iniciativa Amacro, que, segundo nota veiculada pela assessoria de comunicação da vice-presidência, é um programa-piloto para promover o desenvolvimento sustentável em uma área de 450 mil km2 entre os estados do Amazonas, Acre, Rondônia. A previsão é de que o lançamento seja em abril.

Últimas notícias