Mourão sobre ação de Bolsonaro contra estados no STF: “Estou com ele”

A AGU diz que a peça não tem intuito de questionar decisões anteriores, mas analisar decretos de Pernambuco, Paraná e Rio Grande do Norte

atualizado 28/05/2021 11:36

o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e Vice Hamilton MouraoHugo Barreto/Metrópoles

Na manhã desta sexta-feira (28/5), o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) saiu em defesa da ação que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF), na quinta-feira (27/5).

“Decisão do presidente da República eu não discuto, estou com ele, sou vice-presidente dele. Não questiono nada, apoio a decisão do presidente”, disse Mourão, na chegada ao Palácio do Planalto.

A medida elaborada pela Advocacia-Geral da União questiona as medidas de isolamento social tomadas por gestores estaduais e municipais para frear o contágio da Covid-19.

A peça pede a suspensão de decretos de três estados: Pernambuco, Paraná e Rio Grande do Norte.

Em nota, a AGU afirmou que Bolsonaro não está questionando decisões anteriores do Supremo, nas quais foi reconhecido o direito de governadores e prefeitos decretarem medidas sanitárias de restrição ao deslocamento. A ação postula apenas que “algumas dessas medidas não se compatibilizam com preceitos constitucionais inafastáveis”.

Veja a íntegra da ação:

Ação Bolsonaro by Metropoles on Scribd

Mais lidas
Últimas notícias