Bolsonaro avalia “briefing” diário para imprensa, diz porta-voz

A intenção do porta-voz é adotar um modelo de comunicação estratégica que estabeleça um ritmo de ações diárias

atualizado 21/01/2019 12:21

Ian Ferraz/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) avalia colocar seu porta-voz, Otávio Santana do Rêgo Barros, para fazer comunicações diárias à imprensa sobre atos do governo e responder a perguntas de jornalistas. “Ele está a avaliar, mas está avaliando com carinho”, declarou Barros ao conversar com jornalistas nesta segunda-feira (21/1), sobre a possibilidade de um “briefing” diário

A nomeação de Rêgo Barros como porta-voz da Presidência da República foi formalizada no Diário Oficial da União (DOU) de sexta-feira (18/1). Desde segunda-feira (14/1), porém, ele já trabalha no Palácio do Planalto.

A intenção do porta-voz é, com uma equipe de auxiliares vindos do Exército, adotar um modelo de comunicação estratégica que estabeleça um ritmo de ações diárias e um planejamento de longo prazo.

Uma das ações estudadas é classificar notícias sobre o governo de acordo com o nível de impacto para Jair Bolsonaro. O modelo, usado no Exército, usa um esquema de cores (verde, amarelo e vermelho) para classificar a gravidade das informações, do ponto de vista da instituição, e embasar uma estratégia para diminuir o efeito de polêmicas e potencializar informações positivas.

Últimas notícias