Lula sobre Guedes: “Demolidor de sonhos, destruidor de empregos”

Um dia após ser solto, o ex-presidente Lula discursou novamente neste sábado (09/11/2019) a militantes do Partido dos Trabalhadores

Pedro Vilela/Getty ImagesPedro Vilela/Getty Images

atualizado 10/11/2019 11:00

São Bernardo do Campo (SP) – A política econômica do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi alvo de críticas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em discurso a correligionários na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP), Lula disse que o ministro da Economia, Paulo Guedes, “destrói empregos e empresas públicas”.

Um dia após ser solto, o ex-presidente Lula discursou novamente neste sábado (09/11/2019) a militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) e simpatizantes do movimento Lula Livre.

Lula subiu o tom, após uma manhã de troca de farpas com o atual chefe do Palácio do Planalto. “Eu duvido que o seu Bolsonaro durma com a consciência tranquila que eu durmo. Eu duvido que o ministro demolidor de sonhos, destruidor de empregos e empresas públicas, chamado [Paulo] Guedes, durma com a consciência tranquila que eu durmo”, criticou.

O ex-presidente petista se apresentou como um alento à situação econômica, considerada por ele ruim. “Eu quero dizer para eles que eu estou de volta, eu estou de volta”, disse. O petista foi muito aplaudido.

Lula deixou a sede da Polícia Federal em Curitiba no fim da tarde dessa sexta-feira (08/11/2019) após quase 600 dias de detenção. Ao sair da carceragem, o ex-presidente criticou a Justiça, a Lava Jato e o próprio Bolsonaro.

Últimas notícias