*
 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou a sede de seu instituto, em São Paulo, às 18h33. De acordo com a assessoria de imprensa do político, o destino seria São Bernardo do Campo. Nas redes sociais, o comando do PT disparou aviso para a militância comparecer às 19h na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo (SP), para ato com o líder petista.

Lula passou a manhã no instituto de seu nome, na capital paulista, e recebeu aliados políticos e advogados. Após a ordem do juiz Sérgio Moro, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) classificou a decisão como “escândalo” e “absurdo”, citando que ainda havia prazo para a defesa entrar no TRF-4 com embargo dos embargos até a próxima terça-feira (10/4).

 

 

COMENTE

julgamento de lulaprisão de Lula
comunicar erro à redação

Leia mais: Política